Gulbenkian Itinerante No Museu da Guarda

O Museu da Guarda acolhe, até 31 de maio, a exposição Gulbenkian Itinerante, Domínios do Olhar, que reúne 31 obras das duas coleções do Museu Calouste Gulbenkian: a do Fundador e a Moderna, com curadoria de João Mendes Rosa, diretor do Museu da Guarda.

A mostra apresenta, predominantemente, “paisagens e os rostos produzidos por artistas de diferentes épocas como Jean-Charles Cazin, Charles Joshua Chaplin, Jean-Baptiste Camille Corot, Amadeo de Souza Cardoso, Almada Negreiros, Nadir Afonso, Eduardo Batarda, Helena Almeida, Alberto Carneiro e Rui Chafes, entre muitos outros.”

Domínios do Olhar propõe um olhar singular sobre as obras do acervo do Museu Gulbenkian e estabelece ainda um sugestivo diálogo com as obras do acervo do Museu da Guarda.

A nova edição do ciclo de exposições Gulbenkian Itinerante irá passar ainda pelo Centro de Arte e Cultura de Ponte de Sor, o Centro de Arte Contemporânea Graça Morais, em Bragança, e o Centro de Arte de Sines, com diferentes exposições com curadoria a cargo dos responsáveis dos respetivos espaços.

Esta mostra Domínios do Olhar pode ser visitada, de terça a domingo, entre as 10h00 e as 17h00. O preço do bilhete é de 2 euros e pode ser adquirido no local.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.