Galp Beach Party Viveu “La Mejor Edición”

Reportagem de Rosa Margarida e Paulo Soares

O Galp Beach Party, a abrir um verão que tarda, aqueceu as tardes/noites ventosas e frias da Praia do Aterro, em Matosinhos, nos passados dias 28 e 29 de junho. Passaram por lá, segundo a organização, cerca de 50 mil festivaleiros por dia, entre os quais, uma grande percentagem vinda do país vizinho.

Os jovens (muito jovens) festivaleiros “cercaram” a Praia com muito campismo improvisado, muito música e energia contagiante. A preocupação com a sustentabilidade e ambiente, traduzida no slogan “Hoje é um bom dia para mudar” ficou aquém das espectativas. Talvez, na próxima edição, se alie o melhor cartaz de música eletrónica ao melhor comportamento e a mudança possa, de facto, acontecer.

Caras famosas, como Fernando Alvim, Cláudia Jacques ou Aurea passaram pelo Galp Beach Party, para receber o verão ao som dos melhores DJ do planeta. E eles não desapontaram.
O primeiro dia esteva reservado a nomes como timmy Trumphet, com uma com uma atuação eletrizante; a dupla israelita Vini Vici; a dupla holandesa Lucas & Steve, entre outros nomes do panorama mundial da música eletrónica.

No dia 29 de junho, o cartaz anunciou – e cumpriu – uma noite em grande. O cabeça de cartaz, Marshmello trouxe, a Matosinhos, temas dos seus álbuns Joytime e Joytime II, bem como sucesso com “SumMer”, “FiNd Me” e “BlocKs”. Os seus mais recentes singles “Biba” e “Sell Out” conquistaram, em definitivo, o público. Os pés pouco pousaram o chão, as mãos quase nunca abandonaram o ar.

Depois da atuação vibrante de DJ Nano, assumiram o palco os Sigma, dupla formada por Cameron James e Joseh Aluin. O entardecer fez-se anunciar ao som de temas como “Nobody to Love”, “Changing” e “Find Me” e o hit deste verão “Here We Go Again (feat. Louisa)”.

Salvador Ganacci, cujas expetativas, após a atuação no Tomorrowland 2018, estavam nos píncaros, protagonizou um ser descontraído, divertido e inovador, com singles como “Fresh”, Motorspeed 300km/h”, “Imagine”, “Way Back Home”, “XL”, “Ride It”, “Talk” e “Money In My Mattress”.

Quintino, o DJ holandês Quinten van den Berg, não deixou os créditos por mãos alheias e êxitos como “Epic”, “Rap das Armas”, “Go Hard”, “Genesis” e “Slammer” foram descargas de adrenalina, num público que não dava mostras de cansaço.

Os portugueses Karetus, de regresso à Galp Beach Party, presenteram o público com o novo espetáculo Entrudo, sem esquecer os seus êxitos “One Nation”, “Maluco” e “Mais uma Party”.

A fechar a noite, ou a receber um novo dia, Wildstylez, com os seus mais conhecidos temas “Year of Summer” ou “Shine A Light” e “Run Like The Wolves”.

O evento, organizado pela Música no Coração e pela Rádio Nova Era, contou com sponsor da Galp e o apoio da Câmara Municipal de Matosinhos e está prometido o regresso em 2020.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.