Viver Belém à noite com o Belém Art Fest em setembro

Fala-se na criação de um “Quarteirão de Museus” ao estilo de Viena de Áustria, no cultural e turístico Bairro de Belém, mas enquanto esse dia chega e não chega, os lisboetas e os turistas que por aqui passam podem desfrutar e aproveitar ao máximo da zona, com o Belém Art Fest, que promete abrir à noite o Museu Nacional dos Coches, o Museu Nacional de Arqueologia e o Museu de Arte Popular.

O festival, produzido pela produtora Amazing Adventure, assenta num conceito único de fusão cultural e pretende dinamizar estes três museus, à noite com concertos, workshops, exposições e teatro.

Esta primeira edição do festival vai decorrer no dia 22 de setembro, entre as 19h00 e a uma da manhã de dia 23, nos três museus referidos,  em que cada um deles vai ser palco de um género musical distinto, como fado, jazz e rock.

O Museu Nacional dos Coches foi o espaço referido para receber a canção nacional, com o espetáculo: “Três abordagens diferentes à canção urbana”, que vai contar com as presenças de Pedro Moutinho, Maria Ana Bobone e Teresa Lopes Alves.

Para o Museu Nacional de Arqueologia estão reservados os ritmos do jazz e dos blues, com as interpretações de Elisa Rodrigues e Júlio Resende, dos The Soaked Lamb e de Selma Uamusse.

E para o eclético  Museu de Arte Popular, localizado junto ao rio estão agendadas as atuações dos grupos Nice Weather for Ducks, The Doups e Youthless, terminando com DJ set às 4h00.

Para além dos concertos vão também decorrer apresentações da peça  Made in China do Grupo de Teatro da Nova, um desfile de moda, “workshops” e uma exposição do artista Pedro Madeira Pinto e os participantes poderão ainda  visitar parte das coleções dos museus.

Os bilhetes têm um preço único de 18 euros, se comprados antes de 22 de setembro, e de 20 euros, se adquiridos no próprio dia e podem ser  trocados por pulseiras que dão acesso aos três museus até ao encerramento.

Por Elsa Furtado (Texto e Fotos)

Deixar uma resposta