Teatro da Politécnica apresenta Cantigas De Uma Noite de Verão (Uma peça de amores e desencontros)

_MG_6907

Cantigas de Uma Noite de Verão (Uma peça de amores e desencontros) do escocês David Greig e Gordon McIntyre e encenação de Franzisca Aarflot, estreia hoje no Teatro da Politécnica em Lisboa. É uma peça com canções e faz parte de uma trilogia juntamente com Lua Amarela e A História do Duende Dudas. Cantigas de Uma Noite de Verão é um texto adulto que fala de sexo, de amor e de relações na sociedade contemporânea, com inteligência e alegria teatral.

Quatro dias de amor, desencontros e encontros. No primeiro dia de Verão, em Edimburgo. Chove e há este homem e esta mulher. Eles nunca deveriam dormir juntos, mas é o que fazem.
Um trabalho íntimo, no coração do amor. Ou não é da solidão?

Com tradução de Pedro Marques e colaboração de Miguel Castro Caldas, conta no elenco com Andreia Bento e Pedro Carraca, estando a música a cargo de Miguel Fevereiro e a cenografia e figurinos com a Rita Lopes Alves, assistida por Ângela Rocha. Produzida pelos Artistas Unidos/Fundação Inatel / Prémio Monstros do Ano 2010 para Teatro, tem também o apoio do Scottish Arts Council.

Cantigas de Uma Noite de Verãovai estar em cena no Teatro da Politécnica até ao dia 29 de junho, e integra também a programação das Festas de Lisboa, tendo entrada gratuita nos dias 29 de maio a 8 de junho, mediante reserva.

A peça está em cena às terças e quartas-feiras às 19h00, às quintas e sextas-feiras às 21h00 e aos sábados com duas sessões, às 16h00 e às 21h00.

Este slideshow necessita de JavaScript.

Texto de Joana Resende
Fotos de Jorge Rodrigues

Deixar uma resposta