Novo disco de Ana Moura vai ser gravado com Larry Klein

O novo disco de Ana Moura, que surge após o duplo platinado Leva-me Aos Fados, começa a ganhar forma, já estando tudo acordado para ser produzido por um dos mais afamados produtores da actualidade. Ana Moura convidou Larry Klein para estar ao leme do seu novo disco e o mítico produtor, vencedor de quatro Grammys, aceitou imediatamente o desafio, confessando-se um fã convicto da cantora portuguesa. As gravações estão previstas para acontecer já no próximo mês.

Os últimos três anos da vida de Ana Moura têm sido preenchidos com espectáculos em todos os cantos do Mundo. A fadista de Coruche levou aos fados gente dos cinco continentes em concertos que passaram pelas mais importantes salas e pelos mais prestigiados festivais. Atingiu prémios e nomeações de relevo a nível nacional e internacional, partilhou palco e música com variados artistas de excelência, abraçou diversas causas humanitárias e viu Leva-me Aos Fados instalar-se semanas a fio na tabela nacional de vendas e com surpreendentes aparições nos tops da Billboard e da Amazon.

Com o novo trabalho, a cantora vai-se deslocar até aos Estados Unidos, onde o disco será gravado nos históricos Henson Recording Studios (em Los Angeles), fundados por Charlie Chaplin em 1917, e por onde passou toda a História da música popular dos últimos 100 anos: John Lennon, Paul McCartney, The Doors, The Rolling Stones, The Police, U2, Bruce Springsteen, Rage Against The Machine, Pearl Jam, Metallica, Shakira, Lady Gaga, Beyonce, entre muitos, muitos outros. Foi ainda neste estúdio que foi gravado o lendário hino, e respectivo videoclip, «We Are The World», em 1985.

Texto de Cristina Alves
Foto de arquivo C&H Paulo Sopa

 

 

Deixar uma resposta