Dossier Feira do Livro 2011

Por Elsa Furtado
Fotos de Francisco Lourenço

Dezoito dias de muitas novidades e animação são a promessa da 81ª edição da Feira do Livro de Lisboa, que abriu hoje (dia 28 de Abril) ao público, e que contou com a presença da ministra da Cultura Gabriela Canavilhas na cerimónia de inauguração.
A edição deste ano conta com 140 participantes, distribuídos por 240 pavilhões, e 450 editores ou chancelas, e apresenta como uma das novidades estruturais um novo horário de funcionamento. De segunda à sexta-feira a feira abre às 12h30, ao sábado e ao domingo, às 11h00 e encerra às 23h00, de domingo a quinta-feira, e às 00h00 à sexta-feira e sábado.
Entre as iniciativas deste ano estão previstos diversos debates, apresentações, lançamentos e sessões de autógrafos, concertos, e uma homenagem a Francisco Espadinha, fundador da Editorial Presença.
Uma das novidades deste ano é o Passaporte Escolar, promovido pela Câmara Municipal de Lisboa e destinado aos alunos do ensino do 1º ciclo.


Um regresso na programação deste ano é a Hora H, que funciona apenas para os participantes que a ela pretendam aderir. De segunda a quinta-feira, durante a última hora da feira – entre as 22h00 e as 23h00 os visitantes poderão comprar livros fora dos 18 meses do preço fixo, com o mínimo de 50% de desconto. A programação da feira pode ser acompanhada na página da Feira na Internet, no Facebook, e no Twitter.
O C&H deixa-lhe aqui também a programação das várias editoras:

Gradiva

Saída de Emergência

Grupo Leya

Babel

Esfera dos Livros

Civilização Editores

Grupo Porto Editora / Círculo de Leitores / Bertrand

Booksmile

Publicações Europa-América

Guerra & Paz

Deixar uma resposta