CCB recebe Festival Big Band

Hoje e sábado o Centro Cultural de Belém, em Lisboa recebe a 2ª edição do BIG BANG – Festival Europeu de Música e Aventura para Crianças, destinado às crianças entre os 4 e os 12 anos e aos adultos que as acompanham. A programação de  dia 14 é dirigida para as escolas e a de sábado, dia 15, é orientada para as famílias.

O festival tem o patrocínio do Programa Cultura da União Europeia, parte de uma iniciativa da Zonzo Compagnie e pretende criar uma plataforma de encontro de artistas portugueses e europeus, como compositores, músicos, performers e das suas criações, de forma a apresentar às crianças música não comercial.

O Big Bang é um projeto internacional que envolve seis parceiros de cinco países diferentes: Zonzo Compagnie (Bélgica), CCB (Portugal); Stavanger Konserthus (Noruega), Ópera de Lille (França) Millenáris (Hungria) e BOZAR – Palais des Beaux-Arts (Bélgica).

É a oportunidade perfeita para visitar um festival com performances de música, máquinas musicais, objectos sonoros malcriados e viagens sonoras e visuais, visitar os quartos dos músicos, ouvir música no espaço, assistir a concertos com personagens fantásticas, ouvir percussão com objetos reciclados.

As crianças vão ter a oportunidade de assistir à Motofonia Portugal, um solo poético para todos, Fernando Mota; visitar os Quartos dos Músicos, com Manuela Azevedo (Clã), Katharine Rawdon e Elizabeth Davis (Machina Mundi) e Simão Costa; assistir à exposição sonora de Objetos Sonoros Malcriados com João Ricardo de Barros Oliveira; aprenderem a  ouvir o silêncio com o Ouçam o Silencio, uma performance musical sem palavras sobre o universo de John Cage, da zonzo compagnie; Mecanophone apresenta um percurso sonoro em torno de máquinas musicais concebidas e construídas por Denis Brely, do Melodie Theatre; no concerto Tumbala, um grupo de oito personagens fantásticas armadas com máquinas estrambólicas assalta as ruas com uma performance musical de interação com o público, espalhando a desordem, a alegria e a festa. Musica latin funk, em formato de fanfarra. Com a Tumbala Beat ouvemo-se os alunos da Escola Profissional Metropolitana. Encerra o festival o espetáculo Wagon, onde se ouve música sem palavras, de Nicolas Rombouts e Joris Caluwaerts.

Texto de Clara Inácio

Deixar uma resposta