Vista Alegre Atlantis volta a inovar

catalogo_va2013

A antever a quadra natalícia que se aproxima, a Vista Alegre – Atlantis volta a surpreender com um catálogo muito especial e com novas peças, em que o design e o espírito moderno são algumas das suas principais características.

A abrir um novo capítulo da sua longa história que completa 190 anos em 2014, a marca lança um catálogo multimédia. O projeto reúne duas dezenas de anúncios publicitários, nos quais os clientes – vencedores do passatempo lançado no Facebook – são os protagonistas ao lado de The Legendary Tigerman e de elementos da Companhia Nacional de Bailado. Filmados no Museu da Eletricidade, os spots de um minuto cada, combinam a música, a dança, o cinema, a moda, a porcelana e o cristal, “materializando um público multietário, pluricultural e multilinguístico, diverso e fascinante, como as formas, os motivos, tons e inspirações dos produtos criados e apresentados anualmente pela marca”.

É destas imagens que nasceu o catálogo físico, em papel, com imagens selecionados pelo diretor de fotografia. Os filmes serão ainda adaptados a uma campanha de publicidade que terá a televisão, as redes sociais e a imprensa como destinos já a partir de 23 de novembro, depois de uma breve surpresa no intervalo do jogo Suécia-Portugal.

No catálogo de 2013, que já chegou às mãos de alguns clientes com uma relação mais próxima com a marca, destacam-se o serviço Christian Lacroix, Venezia, Transatlântica, Jardinière, Tea With Alice, Alma, Plissé, Luminare, Blue, Biarritz, Natal – Glitter, entre outros.

Outra novidade recente da marca são seis novas peças do serviço de mesa Nery by Eduardo Nery,  que chegam agora às lojas: dois pratos de bolo – um com pé grande e outro com pé pequeno – uma saladeira pequena, uma bandeja de torta, uma tijela individual e um par de taças de consommé.

neryNery by Eduardo Nery apresenta-se como um “serviço de mesa único e exclusivo, com uma decoração imponente e geométrica, luxuosa, rica em ouro, contrastando com a brancura da porcelana fina e os azuis escolhidos pelo artista”.

A estas peças junta-se Os quadradinhos mágicos de Eduardo Nery, livro de Teresa Saporiti, que revela os derradeiros trabalhos do artista, reunindo a iconografia do mesmo aplicada ao azulejo português.

Texto de Alexandra Gil e Elsa Furtado
Fotos de Elsa Furtado
 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.