Natal 2020: Uma Meia Cheia De Livros – Livros Para Adultos

As meias vermelhas pendem nas chaminés, as fitas douradas que as adornam agitam-se e os nomes, bordados pelas mãos cuidadosas da avó, destacam-se com um verde natalício. Estão vazias, por enquanto. E por cada meia, um livro, também eles seis, formam a meia que irá, sem dúvida, fazer as delícias dos ávidos leitores.

Do conhecido jornalista e escritor José Rodrigues dos Santos, os seus mais recentes romances, com selo Gradiva, O Mágico de Auschwitz e O Manuscrito de Birkenau.

Baseando-se em acontecimentos verídicos e em personagens reais, José Rodrigues dos Santos transporta-nos ao coração do grande campo da morte nazi e desvenda-nos o papel do misticismo e do esoterismo na Solução Final.

O Mágico de Auschwitz tem 456 páginas e está à venda por 22 euros.

A vida do Grande Nivelli, o mágico judeu que encanta Praga, muda quando os nazis invadem a Checoslováquia. A Segunda Guerra Mundial começa e ele é deportado com a família. O seu destino é o de milhões de judeus. Auschwitz. O português Francisco Latino sempre foi considerado um bruto na Legião Estrangeira. Mas o seu coração amolece durante o cerco de Leninegrado, onde integra a Divisão Azul espanhola e se apaixona por uma russa. Até que as SS o levam… O mágico judeu e o soldado português unem os seus destinos em Auschwitz.

O Manuscrito de Birkenau conclui a espantosa história iniciada em O Mágico de Auschwitz e revela-nos a Shoah como nunca foi contada.

Auschwitz é o ponto de encontro entre duas figuras singulares. Uma é o Grande Nivelli, o mágico judeu deportado para o campo da morte. A outra é Francisco Latino, o legionário português recrutado pelas SS. Os russos aproximam-se e os nazis preparam-se para o massacre final. Com o fim à vista, o judeu e o português vão unir forças para sobreviver. Ao mesmo tempo, a magia do Grande Nivelli irá desempenhar um papel central no maior acto de resistência contra o Holocausto.

O romance, de 464 páginas, está à venda por 22 euros.

Editado em novembro de 2020 pela Marcador, O Espião De Moscovo, do autor norte americano Nelson DeMille, com tradução de Isabel Alves, é «um thriller imaginativo e acelerado, concebido como um engenhoso confronto maniqueísta entre o bem e o mal, estilizado ao máximo para deixar a ação nua em toda a sua pureza.»

O agente duplo Talbot, auxiliado por um espião dentro do grupo OSS, está envolvido num plano que visa desarmar os Estados Unidos de uma assentada.
Alguma coisa se passa na luxuosa residência dos arredores de Nova Iorque, propriedade da embaixada soviética junto da ONU. Algo de que um pequeno grupo de pessoas dos serviços secretos americanos, agora reunidos num escritório de advogados, suspeitam, mas não conhecem em todas as suas dimensões.
No entanto, o perigo é imenso: se o plano soviético for levado a cabo, significará o virtual desaparecimento dos Estados Unidos. e sem disparar um único tiro. As esperanças de que isso possa ser frustrado estão depositadas em Katherine Kimberly, advogada, e Tony Abrahams, ex-polícia que, numa luta desigual, terão de enfrentar inimigos cruéis e poderosos…

O thriller, de 552 páginas, está à venda por 19,90 euros.

Depois de emocionar milhões de leitores com o seu inesquecível romance Como Água Para Chocolate, Laura Esquível regressa agora a esse mundo mágico com uma poderosa história sobre a força e a liberdade das mulheres, com o romance O Meu Negro Passado, editado pela Asa.

María fica destroçada ao ver o seu casamento desmoronar-se abruptamente. O seu único refúgio é o diário de Tita, que lhe é dado pela sua avó Lucía. E é quando mergulha na vida íntima de Tita que descobre não apenas velhos segredos de família mas também a capacidade de o espírito humano se elevar, graças à alquimia que transforma os ingredientes naturais em alimento.
A voz de María, da mesma estirpe guerreira que sempre caracterizou as mulheres De la Garza, continua a tecer a saga da família… a jovem terá de percorrer um longo caminho enquanto vai recuperando a sua força interior. Sem que se aperceba, começa a criar fortes laços com todos os seus antepassados. A pouco e pouco, María renasce. Mas o verdadeiro dilema surge quando volta a experimentar o mais profundo dos sentimentos: o amor.
O Meu Negro Passado é uma defesa do espírito feminino – é a melhor receita contra os males dos nossos tempos: o desenraizamento, a alienação e a frivolidade. Na senda de Como Água Para Chocolate, é uma obra que não deixará ninguém indiferente – um épico retrato de várias gerações de mulheres livres e apaixonadas que nos ensinam a ultrapassar as adversidades da vida
.

O romance tem 216 páginas e está à venda por 15,50 euros.

Da aclamada autora chilena Isabel Allende, o novo romance Mulheres Da Minha Alma, com selo Porto Editora.

Em Mulheres da minha alma, a autora chilena convida-nos a acompanhá-la nesta emocionante viagem, em que revisita a sua ligação ao feminismo, desde a infância até aos dias de hoje. Recorda algumas mulheres incontornáveis na sua vida: Panchita, Paula e a agente Carmen Balcells, cuja ausência chora ainda hoje; escritoras de nomeada como Margaret Atwood; jovens artistas que trazem na pele a rebeldia das novas gerações; mulheres anónimas que sofreram na pele a violência de género e, com dignidade e coragem, se levantam e avançam. Todas elas a inspiram e a acompanham ao longo da vida: as mulheres da sua alma.
Reflete, ainda, sobre as mais recentes lutas sociais, nomeadamente as revoltas no seu país de origem e, claro, sobre este novo contexto que o mundo atravessa com a pandemia. Tudo isto sem deixar de manifestar a sua inconfundível paixão pela vida e a sua crença em que, independentemente da idade, há sempre tempo para o amor.

O romance tem 208 páginas e está à venda por 16,60 euros.

Ainda da Porto Editora, o regresso de Manuel Jorge Marmelo, com o livro Tropel.

Fica o leitor advertido de que esta ficção é completamente alheia à realidade. Tudo nela é falso, 

desconcertante, fictício e quase nada verídico. A viagem que aqui se empreende ao âmago da pungente metáfora que anima o Clube dos Caçadores de Székely é, todavia, inspirada em factos absolutamente reais.
Atanas Viktor, o desamparado adolescente herdeiro de uma longa linhagem de caçadores impiedosos, é a personagem central desta incursão a um tempo de ódio e de uma história apartada do mundo, marginal e contada a partir de um lugar ermo, espantoso e medonho que só existe na literatura — mas cada vez mais próximo da soleira da nossa porta. 

 

O romance tem 152 páginas e está à venda por 14,40 euros.

Terminamos com Dormir Num Mar de Estrelas Vol. Ide Christopher Paolini, criador de Eragon, com selo LeYa|Asa.

Durante uma missão de rotina num planeta não colonizado, a xenobióloga Kira Navárez descobre uma relíquia alienígena. O seu entusiasmo inicial transforma-se em terror quando o pó que agora cobre todas as superfícies começa a mexer-se. Já na nave, descobre que algo vive dentro dela, algo capaz de extrema violência. À medida que a guerra estala entre as estrelas, Kira é enviada numa odisseia de alcance extra galáctico, uma viagem de descoberta e transformação que a levará a questionar o próprio significado da condição humana. Enquanto Kira enfrenta os seus próprios horrores, a Terra e as suas colónias encontram-se à beira da aniquilação. Agora, Kira pode ser a maior e última esperança da humanidade.

O livro, de 592 páginas, está a venda por 24,90 euros.

Bons Presentes! Boas Leituras! Boas Festas!

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.