Turkish Airlines Já Voa De e Para o Porto

Reportagem de Elsa Furtado (Texto e Fotos)

turkish_porto-004Foram quase 200 os passageiros que desembarcaram de um A319 na quinta-feira passada no Aeroporto Sá Carneiro, no Porto, vindos de Istambul, no voo inaugural da nova rota da Turkish Airlines.

A nova rota da companhia de bandeira turca vai operar Porto-Istambul-Porto, com quatro voos semanais, a terem lugar às terças, quintas e fim-de-semana.

Esta nova rota vem reforçar a presença da Turkish Airlines em Portugal e também na Europa, esperando os seus responsáveis alcançar no aeroporto da Invicta os os 30 mil passageiros, segundo Kerem Sarp, vice-presidente de Marketing e Vendas da transportadora aérea.

Com esta nova rota, José Vassalo – Regional Marketing Manager Lisbon confessou ao C&H, que esperam também assim poder aliviar um pouco a rota de Lisboa, muito procurada por ligações de outros destinos, e ser também uma mais valia para os agentes e operadores turísticos, que devido à pouca diferença na duração dos dois voos ( o do Porto dura cerca de 4h30 enquanto que o de Lisboa dura cerca de 30 a 40 minutos mais – consoante os ventos) podem programar duas partidas de Portugal, mas com programas e acolhimento comum no destino.

Quem também está muito expectante com esta nova rota, é Fernando Vieira – Diretor do Aeroporto Sá Carneiro, que espera ter nesta rota uma porta de saída e entrada do Porto e Norte para a Ásia, Médio Oriente, Europa de Leste, África, e é claro a Turquia, atraindo assim novos mercados e investimentos.

Com esta nova rota, a Turkish Airlines passa assim a cobrir 271 destinos, em 108 países, nos cinco continentes.

No final da tarde, no dia da inauguração, foram 163 os passageiros que partiram do Porto com destino a Istambul, alguns dos quais tinham chegado via Madrid ou via Lisboa, um percurso que já não vai mais ser preciso fazer para quem quiser descobrir as maravilhas do Douro ou da Porta do Oriente.

Este slideshow necessita de JavaScript.

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.