Topázio festeja 140 anos com 14 peças de criadores de áreas distintas

Joana Vasconcelos na exposição 14 décadas Topázio

Designers, estilistas e artistas plásticos de renome aceitaram o repto da Topázio para se juntarem à iniciativa que assinala as 14 décadas de atividade da fábrica de pratas de Gondomar. A coleção Topázio – 140 anos de Prata foi esta semana apresentada no Torreão Nascente do Terreiro do Paço.

O Jarrão de D.João V é o ponto de partida desta coleção. Foi pedido a artistas das mais diversas áreas de se inspirassem nesta icónica peça e apresentassem uma criação que, de certa forma, estivesse ligada à história da Topázio. Os arquitectos Cristina Santos e Silva, Didier Faustino, Dino Gonçalves, os estilistas Dino Alves e Nuno Baltazar, os designers Fernando Brízio, Marco Sousa Santos, Sam Baron, Teresa Lundahl e Toni Grilo, os artistas plásticos Joana Vasconcelos e Rodrigo Oliveira, a designer de interiores Nini Andrade Silva e o street artist Vhils aceitaram o repto. Entre propostas mais próximas do Jarrão de D.João V, a abordagens contemporâneas do tema, outras que se limitaram a interpretar a funcionalidade da peça e as que revelam essencialmente uma interpretação estética, encontrámos um pouco de tudo nesta mostra.

Toni Grilo, diretor criativo da marca, é o curador da exposição e foi responsável pela ponte entre os artistas e os artesãos. “Temos orgulho em apresentar a visão de criativos de áreas muito distintas, porque para nós a criatividade não tem fronteiras: agradecemos aos designers, arquitectos, decoradores, estilistas e artistas plásticos por contribuírem para uma exposição tão especial, genuína e rica em perspetivas. Acrescenta-se um especial obrigado às “mãos de prata”, pois sem elas as ideias não seriam concretizadas”.

A coleção vai estar em exposição no showroom da fábrica em Gondomar, e está previsto que saia em itinerância em roadshow. As peças da coleção Topázio – 140 anos de Prata irão estar à venda, em edição limitada de apenas 10 unidades por cada obra.

Reportagem de Tânia Fernandes

 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.