Thrillers Para Ler Nas Férias

Se ainda está de férias, ou só vai agora, ou se pura e simplesmente gosta de ler, o C&H deixa-lhe aqui algumas sugestões de thrillers publicados entre nós nos últimos tempos.

Começamos com uma novidade da Bertrand Editora, O Assassínio de Cinderela. Este é um thriller escrito a quatro mãos, por Mary Higgins Clark e Alafair Burke.

Laurie Moran, produtora televisiva, está delirante com o sucesso do seu programa Sob Suspeita. Além do mais, este programa, que recria casos por resolver, ajudou a solucionar um homicídio logo no primeiro episódio. Agora, Laurie tem o caso ideal para o seu próximo programa: o Homicídio de Cinderella. Quando a bonita estudante universitária Susan Dempsey foi encontrada morta, o caso levantou muitas perguntas. Porque estava o seu carro estacionado a quilómetros do seu corpo? Teria chegado a aparecer para a audição combinada em casa de um realizador? Porque quererá o namorado de Susan esquivar-se a perguntas sobre a relação deles? E porque faltava um sapato a Susan quando o seu corpo foi encontrado? Laurie sabe que este caso vai dar um excelente programa, especialmente porque os suspeitos pertencem à elite de Hollywood e do mundo da tecnologia. O suspense e o drama são perfeitos para o pequeno ecrã, mas estará o assassino de Cinderela pronto para um grande plano?

Um policial empolgante, com 320 páginas, à venda por 16.60 euros.

Da mesma editora, O Labirinto de Ossos, da autoria do incontornável James Rollins. Este é mais um episódio da série Força Sigma, que nos tem vindo a prender nos últimos anos.

Em O Labirinto de Ossos, o autor guia o leitor até ao próximo grande passo da humanidade através de teorias e princípios científicos que pretendem impulsionar o desenvolvimento humano…ou a sua extinção?

Nas remotas montanhas da Croácia, um arqueólogo faz uma estranha descoberta: uma capela católica subterrânea, escondida há séculos, onde se encontram os ossos de uma mulher do Neandertal. Nessas mesmas grutas, elaboradas pinturas rupestres contam a história de uma imensa batalha entre tribos neandertais e umas figuras obscuras e sinistras. Quem será esse misterioso inimigo? Antes da possibilidade de quaisquer respostas, a equipa de investigação é atacada, ao mesmo tempo que um centro de investigação de primatas. Haverá ligação entre os dois ataques? Quem está por trás deles? A procura da verdade levará Gray Pierce, da Força Sigma, 50 000 anos atrás, para chegar à origem da inteligência humana. Porém ver-se-á mergulhado numa batalha cataclísmica pelo futuro da humanidade, uma batalha que se estende a todo o globo… e além dele.”

Mais uma empolgante aventura deste grupo destemido, para nos prender ao longo de cerca de 504 páginas, numa edição à venda por 17,70 euros.

Com mais alguns mesinhos nas livrarias, mas também da Bertrand Editora e de outro mestre do género, Paul Sussman, chega-nos O Último Segredo do Templo. 

Um livro, repleto de mistério e suspense, que envolve o leitor numa caça ao tesouro no Médio Oriente para desvendar um assassínio.

Ao investigar o assassínio do holandês Piet Jansen, Yusuf Khalifa constata uma série de coincidências com o primeiro caso de que se ocupara há treze anos, quando uma israelita de nome Hannah Schlegel fora encontrada morta em Karnak. Contra a opinião dos seus superiores hierárquicos, o inspector Yusuf decide reabrir esse primeiro caso, mas para o fazer é obrigado a colaborar com um antipático detetive israelita, Arieh Ben-Roi, o qual, por sua vez, depende das informações que lhe são fornecidas por uma jornalista palestiniana de Jerusalém. Esta receberá uma carta anónima, cujo autor afirma estar na posse de dados suscetíveis de alterar a balança de poder no Médio Oriente, e se propõe oferecer-lhe o maior furo jornalístico da sua carreira, relacionado com um estranho manuscrito medieval. Compreende-se assim, aos poucos, que a identidade do assassino de Hannah Schlegel está ligada a um mistério que envolve um antigo tesouro religioso roubado de Castelombres, em França, e ao destino de alguns velhos simpatizantes do nazismo.

São 592 páginas, que nos levam a viajar pelo Egipto, Jerusalém, Inglaterra, Áustria, e Alemanha. E também pelas memórias da História. Um romance que aborda várias questões pertinentes, como a guerra e a relação entre israelitas e palestinianos, o nazismo e as suas atrocidades, o jornalismo, e a ética policial, entre outras. De fazer pensar.

DominusÀ venda por 18, 80 euros.

Da Top Seller, DOMINUS, um thriller intenso, repleto de ação e reviravoltas, da autoria de Tom Fox.

Neste romance o autor leva-nos pelo misterioso e atractivo mundo do Vaticano.

O que significará a vinda deste estranho, e será que ela conduzirá ao fim dos dias?
A catedral do Vaticano tem a sua lotação completamente esgotada, num dia em que o Papa Gregório XVII celebra uma missa. Um estranho encapuzado dirige-se rápida e temerariamente na direção do altar e ordena ao Papa, que depende de uma cadeira de rodas para se movimentar, que se erga.
O Papa ergue-se.
O milagre deixa o mundo siderado. Quem é este estranho com tanto poder sobre o Papa?
À medida que mais milagres acontecem e que o Vaticano encerra as suas portas ao mundo por questões de segurança, a agente policial Gabriella Fierro e o jornalista Alexander Trecchio embarcam numa investigação perigosa para encontrar uma explicação que acalme uma nação que se encontra à beira da histeria.”

Mais um romance onde o jornalismo, a investigação policial e a fé se cruzam e misturam. Entre realidade e ficção tudo pode acontecer.

Um mistério a desvendar ao longo de 368 páginas, à venda por 17,69 euros.

SenadoPara terminar, um thriller de um autor nacional, Luís Corredoura, que nos traz O Senado, A História de uma Conspiração, com a chancela da Marcador.

Este é um daqueles livros que não conseguimos parar de ler, e passamos a maior parte do tempo a perguntar “Será verdade???”, aqui, a realidade e a ficção misturam-se de tal maneira, que chegamos mesmo a acreditar no que nos está a ser contado, mas atenção, este é um romance ficcional… qualquer semelhança com a realidade é pura coincidência.

Um conceituado jornalista de investigação é contactado por uma misteriosa mulher – amante de um dos políticos mais importantes da História recente de Portugal – que lhe promete documentos secretos e revelações sobre o lado obscuro da democracia e dos grandes negócios. O jornalista julga tratar-se apenas de uma partida de mau gosto, mas esse primeiro encontro vai abrira porta para um labirinto de segredos que esconde a tomada do poder, há séculos, por uma associação tão secreta como antiga, e que estende os seus tentáculos por todo o mundo ocidental.

São 288 páginas de fácil e cativante leitura, que nos levam até ao mundo das Sociedades Secretas, da Política e do Jornalismo. Imperdível. À venda por 17,50 euros.

 

 

 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.