The Sweet Art Museum – Um Convite À Descoberta Da Felicidade

Reportagem de Elsa Furtado

Chama-se The Sweet Art Museum e tem uma decoração inspirada no mundo dos doces, mas o nome engana, ou talvez não, o The Sweet Art Museum é na verdade um hino à Felicidade e convida o visitante a descobri-la.

O espaço, que abriu no final de maio, na zona de Marvila, em Lisboa, pretende ser o primeiro museu pop-up e digital da Europa dedicado à felicidade, apesar de grande parte das pessoas o chamarem de “Museu dos Doces”.

A área não é muito grande, mas todas as salas existentes são uma experiência única e sensorial. Mal chegamos à porta, entramos num mar de cor de rosa, em que os doces são os elementos base da decoração, e somos convidados a descarregar uma app, que nos permite ver os conteúdos aumentados.

Marshmallows, gelados, gummy bears, chupa chupas e rebuçados são algumas das tentações doces que por aqui encontramos, mas provar provar, só mesmo os doces que nos dão à saída de cada sala.

Começamos o nosso percurso com um mergulho na Splash Mallow Pool (uma piscina gigante de marshmallows); seguimos para a Ice Cream Land (onde é possível experimentar um gelado – no nosso caso o sabor do dia era doce de ovos), e para a Candy Wash Room, passando primeiro pela sala dos Gummy Bears Gigantes onde é possível experimentar um jogo de Realidade Virtual – o Gummy Game.

Para a parte final da visita fica o mundo dos sonhos e da fantasia. Começamos com a sala Pop Circus, mais guloseimas e um carrossel esperam-nos. Aqui não faltam os chupa chupas gigantes, nem as “balas” coloridas. Na sala Sweet Dreams tudo é possível, um unicórnio branco dá nos as boas vindas, um baloiço leva-nos a voar pelas nuvens e um arco íris faz nos sorrir e achar que tudo é possível.

A visita termina na sala Lucky Fruit, onde se encontra a intervenção da artista nacional Maria Imaginário. Aqui espera-nos um desafio: “Como Se Sente Hoje?” – e não podemos sair sem responder, o difícil mesmo é encontrar a resposta adequada depois de uma visita a este universo doce, colorido e feliz.

Vamos dizer sim à Felicidade?

O museu vai ficar em Lisboa até final de agosto, (seguindo depois para Madrid), com visitas de quarta a sexta feira, entre as 11h00 e as 21h00, e aos sábados e domingos das 10h00 às 20h00.

Os bilhetes custam 20 euros por pessoa, sendo 1 euro doado à Terra dos Sonhos, e estão à venda no local, online e locais habituais.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.