Santa Casa investe 1,1 milhões de euros na recuperação da Igreja da Conceição Velha

igreja_conceicao_velhaA Santa Casa da Misericórdia de Lisboa vai investir 1,1 milhão de euros na reabilitação da Igreja da Conceição Velha, o segundo maior templo da Lisboa manuelina, depois dos Jerónimos, e antiga sede da Santa Casa antes do Terramoto de 1755.

Este é um dos maiores investimentos feitos pela instituição na recuperação do nosso património nas últimas décadas e constitui uma aposta na “valorização deste Monumento Nacional no âmbito religioso, cultural e turístico, e no reforço da capacidade de assistência à pobreza extrema, na Baixa lisboeta.”

A Igreja da Conceição Velha é Monumento Nacional desde 1910, e face ao mau estado de conservação do edifício, esta intervenção revestiu-se de um caráter de urgência.

O Provedor da Santa Casa da Misericórdia, Pedro Santana Lopes, e o padre Mário Rui Leal Pedras, pároco da Igreja da Conceição Velha, assinaram um acordo que vem permitir devolver à população o usufruto total do espaço para a prática religiosa, garantida pela Diocese de Lisboa.

Associada a esta intervenção de conservação e restauro está também a criação de um novo Polo Cultural de Arte Sacra na cidade de Lisboa, que atuará em rede com a coleção do Museu de São Roque, e onde vão ficar em exposição o tesouro da igreja bem como outras peças vindas das igrejas de Santa Maria Madalena e de São Nicolau.

Texto de Susana Sena Lopes 

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.