Red Bull Music Academy Culture Clash Em Lisboa A 20 De Outubro

Uma batalha de música, é o programa que se anuncia para dia 20 de outubro no Coliseu dos Recreios. A primeira Red Bull Music Academy Culture Clash está a chegar a Lisboa e promete ser um espetáculo único.

Nomes como Branko, Riot, Kalaf, Pongolove, Carlão, Fred Ferreira, Moullinex, Xinobi, Da Chick, Legendary Tigerman, DJ Ride, Jimmy P, MGDRV, Batida, DJ Satélite, Karlon, Gonçalo Cabral, André Cabral, Bernardino Tavares e Bonga vão estar num frente-a-frente, no mesmo espaço, distribuídos por quatro palcos. Trata-se de uma competição musical, com regras específicas, que vai por quatro crews a disputar a taça. A decisão de quem será o vencedor, cabe ao público. Já sabes quem vais apoiar?

Gisela João e Alex D’Alva Teixeira vão ser os anfitriões desta sessão tão especial e os responsáveis por fazer cumprir o regulamento. Dos quatro cantos da sala, competem Club Atlas, Moullinex Live Machine, Matilha e Batida + Kambas e o Próprio Kota!.

O concerto é composto por quatro rounds; só são aceites dubplate specials exclusivos para o evento; no round final as crews podem chamar ao palco, os seus convidados secretos; os replays são proibidos; a vitória nos rounds tem por base a reação do público e o correspondente de decibéis, em caso de empate o público é uma vez mais chamado a decidir; é proibido utilizar material inflamável ou de pirotécnica; os rounds são controlados pelos hosts, cujas decisões são soberanas; entre as quatro crews haverá apenas uma vencedora.

O concerto é composto por quatro rounds, sendo o primeiro de teste (sem lugar para votação), o segundo de seleção (DJs tocam qualquer estilo), o terceiro disputa-se no terreno do adversário (as crews tocam estilos dos seus oponentes) e por último, o round final conta com convidados especiais em palco (e tem pontos a dobrar).

Qual a composição das crews?

Club Atlas, é liderada por Branko e conta com parte da família Buraka Som Sistema, Riot, Kalaf e Pongolove que dá a voz ao hit “Kalemba (Wegue Wegue)” e também com o homem da frente dos ex-Da Weasel, Carlão e Fred Ferreira, responsável pela percussão da Banda do Mar.

Moullinex Live Machine, os representantes da etiqueta eletrónica Discotexas: Moullinex e Xinobi juntam-se a Da Chick, dona daquela voz carregada de funk, e a referência do rock The Legendary Tigerman.

Matilha, junta o finalista do Red Bull Thre3Style 2015, DJ Ride, que conta com as rimas do habitual navegador dos charts nacionais, Jimmy P e com os MGDRV, anteriormente Macacos do Chinês e que recentemente se encontraram com DJ Ride no LP “From Scratch”.

Batida + Kambas e o Próprio Kota! Resulta da ligação íntima entre Portugal e Angola. Batida conduz esta crew e traz os anos 60 e 70 da música angolana, acrescentando-lhe sonoridades atuais; DJ Satélite, com reconhecidos sets de afro-house e kuduro a rolar no Boiler Room; Karlon, o fundador dos Nigga Poison; os detentores dos melhores “moves” André Cabral, Gonçalo Cabral e Bernardino Tavares não vão deixar ninguém parado; e o ícone e promotor desta relação estreita com a música angolana, Bonga.

Os bilhetes de acesso ao Red Bull Music Academy Culture Clash já se encontram à venda nos locais habituais e custam 20 euros (plateia, balcão, galeria em pé). Por 30 euros os interessados têm acesso à Area Plus (zona reservada no palco), t-shirt oficial do evento e acesso a after-party, em local a anunciar.

A abertura de porta será às 20h00 e o início do espetáculo às 21h00.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.