Há Peixe em Lisboa  

Reportagem de Marta Plácido (Texto e Fotos)

Peixe em Lisboa 2015Até 19 de abril a gastronomia do mar está em alta na capital. É no Pátio da Galé que, desde ontem, se concentram inúmeras iguarias que elevam os encantos e sabores do mar português pela mão dos nossos mais conceituados chefes e em que marcam presença restaurantes bem conhecidos pelos muitos apreciadores de uma cozinha de assinatura.

São 140 degustações confecionadas por dez restaurantes, onde reina o peixe e o marisco.

Às já habituais presenças do Arola by Penha Longa, José Avillez, O Nobre/O Nobre Estoril, Ribamar e Vitor Sobral, esta 8.ª edição conta com Kiko Martins, Las Ficheras, Pap’Açorda, Sushi Café Avenida e Taberna da Rua das Flores & Flores do Bairro – Bairro Alto Hotel.

Do Ceviche de corvina ao Cornetto de santola e lavagante, da Açorda de gambas à Feijoada de chocos, do Sushi ao Prego de atúm, do Bacalhau confitado com riso nero à bulhão pato, ao Caril de skrei com amendoim e coentros, e ainda com espaço para deliciosas sobremesas e excelentes vinhos, só é preciso ir preparado para conseguir escolher preciosidades daqui e dali e aproveitar uma excelente experiência gastronómica.

Aconselha-se também algum cuidado quando passar pelo imperdível Mercado Gourmet, pois é de ficar com água na boca.

São 70 expositores com produtos das diversas regiões do país, onde não falta naturalmente uma banca de peixe fresco e uma banca de ostras e outra de conservas, mas também compotas, infusões, enchidos, queijos, doçaria tradicional, chocolates, gelados, cervejas artesanais e os vinhos, como não podia deixar de ser. Tudo para prova e como certamente muitos não vão resistir a tantas tentações, também podem comprar.

Peixe em Lisboa 2015

Já como muita adesão e interesse no dia da inauguração, a partir de hoje, em que começaram as diversas atividades do programa do Peixe em Lisboa, teremos com toda a certeza mais uma edição de grande sucesso.

É no Auditório instalado em plena Praça do Comércio que se vão realizar diversas apresentações de cozinha ao vivo pelos grandes mestres da gastronomia mundial.

Por lá passarão os espanhóis Joan Roca, no dia 14, e Quique Dacosta, no dia 12, com três estrelas Michelin, o argentino Mauro Colagreco, do restaurante Mirazur, na Riviera Francesa, com duas estrelas Michelin, no dia 13, e o mais recente estrela Michelin do Brasil, Rafael Costa e Silva, do restaurante Lasai no Rio de Janeiro, no dia 15 de abril.

Pela gastronomia portuguesa, temos Pedro Lemos, Vitor Sobral, Ricardo Costa, Leonel Pereira, Tomoaki Kanazawa, Leonardo Pereira e Belmiro de Jesus.

Esta é também uma excelente oportunidade para aprender dicas e truques culinários nos workshops de cozinha de chefes experimentados. Na cozinha Docapesca, terá a ajuda dos Chefes Nuno Diniz, João Sá, Miguel Castro Silva, Hêrnani Ermida e Paulo Morais na confecção de diferentes tipos de peixe. Na cozinha Vatel, a Chefe Justa Nobre ensina preparações com sal no ponto e na cozinha Caçarola o receituário será conduzido pelo Chefe Chakall.

[satellite auto=on caption=on thumbs=on]

 

Não faltam as provas de vinhos com os sommeliers Manuel Moreira e Sérgio Antunes, e as melhores práticas da enogastronomia, em que a gastronomia de mar é acompanhada por diferentes vinhos, com criações da assinatura dos chefes Susana Felicidade, Paulo Morais, João Sá e Nuno Diniz, em sessões com os vinhos da José Maria da Fonseca e também com os vinhos do Douro e Porto, pelo IVDP.

O Peixe em Lisboa surge ainda com uma novidade, as Conversas no Pátio, protagonizadas pelos Chefes Kiko Martins, José Avillez e Vítor Sobral, que tal como o nome indica são momentos de conversa informais entre o público e os chefes de cozinha.

Para este sábado, deixamos aqui em destaque o Simpósio Sangue na Guelra”, a partir das 14h30, que combina projetos inovadores e chefes de cozinha. Helena Saraiva (Ervas Finas, Vila Real), Jean Paul Brigard (Lugar do Olhar Feliz, Alentejo) e Avenida Ormonde (produtor de vegetais da Ilha Terceira, Açores) juntam-se a Vincent Farges (chefe de cozinha da Fortaleza do Guincho, estrela Michelin), Leonardo Pereira (chefe de cozinha Areias do Seixo, Santa Cruz), Enrico Vignoli (da Osteria Francescana, Itália) e à Nordic Food Lab (do restaurante Noma, primeiro classificado na lista dos “50 Melhores Restaurantes do Mundo”, Dinamarca).

Peixe em Lisboa 2015Ao final da tarde, pelas 18h30, as ostras são o tema da apresentação de cozinha no Auditório com a participação de chefes de cozinha do projeto Ostraria e ainda de Nuno Barros, Oswaldo Oliva, Rafael Costa e Silva, Ricardo Chaneton, Sebastian Meyers e Frederico Ribeiro.

No dia 15 de abril vai também ser revelado qual  “O Melhor Pastel de Nata” de 2015, estando neste momento 12 pastelarias na final: Atelier do Doce (Lisboa), Casinha do Pão (Lisboa), Chique de Belém (Lisboa), Continente Selecção (Lisboa), Nilde (Lisboa), Hotel Real Parque (Lisboa), Coina Confeitaria (Coina),Taigui (Lisboa) e Tulipa Dourada (Mem Martins) e três representantes da anterior edição da prova: pastelaria AlomaBalcão do Marquês e Biarritz completam o quadro.

São muitas as atividades programadas, muitas experiências gastronómicas e muito convívio e interação entre público e as estrelas da gastronomia que com orgulho apresentam as suas criações em homenagem ao mar português, pelo que só podemos dizer: Não deixe de passar, experimentar e experienciar uma gastronomia que enaltece todos os sentidos.

A entrada no Peixe em Lisboa tem um custo de 15 euros por pessoa e inclui 1 degustação de 5 euros, 1 bebida de 1,50 euros e 1 copo de provas.

O dia 13 de abril é o “Dia Económico”, em que a entrada, das 12h00 às 24h00 inclui 2 degustações de 5 euros e 2 bebidas de 1,50 euros.

De segunda a sexta-feira, das 12h às 15h, a entrada incluiu 2 degustações de 5 euros e 2 bebidas de 1,5 euros. As degustações têm preços entre os 2 e os 12 euros.

O Peixe em Lisboa é uma organização da Associação Turismo de Lisboa, com o apoio da Câmara Municipal de Lisboa e produção da EV – Essência do Vinho.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.