Passado E Presente Lisboa Marcam Capital Ibero-Americana De Cultura 2017 

A 7 de janeiro arranca a programação da União das Cidades Capitais Ibero-Americanas (UCCI) e da Câmara Municipal de Lisboa, e que conta com a participação, colaboração e apoio de dezenas de outras instituições, associações e equipamentos privados, e que decorre até 22 de dezembro de 2017. 

O programa especial de sábado, dia 7 de janeiro, tem início às 17h00 com a inauguração da exposição do artista mexicano Démian Flores Al Final Del Paraíso, na galeria do Padrão dos Descobrimentos. Demián Flores inscreve-se na longa tradição da pintura muralista mexicana com representantes como Diego Rivera ou José Clemente Orozco e muitos outros. Para esta exposição concebeu uma obra nova cujo tema é a relação colonial entre os Países Ibéricos e a América Latina.

O programa do dia continua às 19h00, no São Luiz Teatro Municipal, com a cerimónia de abertura. Este momento inclui o lançamento de uma emissão filatélica comemorativa do projecto. Pelas 21h00, também no São Luiz Teatro Municipal, decorrerá o concerto Canções Para uma Festa, com a participação de Gisela João (Portugal), Mariela Condo (Peru) e Yomira John (Panamá). Este concerto repete dia 8, domingo, às 21h00.

A noite inaugural termina com Danças no Jardim de Inverno. Às 00h00, a música de La Flama Blanca (Portugal) e a cenografia de Pedro Valdez Cardoso convidam a festejar esta capital Ibero-americana de Cultura.

A festa prolonga-se um pouco por toda a cidade até dia 22 de dezembro, e a programação completa pode ser consultada aqui.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.