Panteão Nacional recebe exposição da Fadista e Escultora Cristina Maria

foto_expofadista1O Panteão Nacional, em Lisboa, recebe até 30 de agosto a mostra Esculturas do Meu Fado, da fadista e escultora Cristina Maria, e na qual sobressai uma escultura de homenagem a Amália Rodrigues, de 1,75 metros em pedra vermelho de Alicante, sendo as restantes esculturas em mármores e calcários pretos e brancos, cores representativas do fado.

Além de Amália, existem peças de homenagem ao fadista Fernando Maurício, ao guitarrista e compositor Custódio Castelo, ao músico Jorge Fernando, ao viola baixo Joel Pina e ao construtor de guitarras Óscar Cardoso.

A segunda exposição,também no Panteão, em Santa Engrácia, é uma coleção de joias com mármores de diversas origens, nacionais e estrangeiras e acrílico, ornamentadas a pratas. A esta mostra de mini-esculturas a artista deu o nome de Memórias do Destino.

fot_expofadista2Na inauguração, Cristina Maria fadista apresentou, acompanhada por Custódio Castelo, alguns temas do próximo trabalho Voz das Mãos.

As exposições podem ser visitadas até dia 30 de agosto, de terça-feira a domingo, das 10h00 ás 18h00. Os bilhetes podem ser adquiridos localmente e online e custam 4 euros (bilhete de acesso ao Panteão Nacional).

Texto de Madalena Travisco
Fotos de Cristina Maria/FMS no blog Fundação Manuel Simões

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.