Palavra de Mulher – Festival das Artes de Coimbra encerra com chave de ouro 

Reportagem de Madalena Simões

festival_artes_palavra_mulher.58O Festival das Artes 2014, realizado em Coimbra, encerrou hoje à noite com chave de ouro, numa atmosfera intimista, com o concerto Palavra de Mulher, no Anfiteatro da Colina de Camões.

Sofia Vitória deu voz a textos poético-musicais em que Chico Buarque tematiza o universo feminino, na senda do último trabalho editado com Luís Figueiredo: o disco Palavra de Mulher, lançado em 2012.

No concerto juntaram-se-lhes contrabaixo, bateria e cinco sopros, de que resultaram ritmos e sons jazzísticos. A voz doce e firme no virtuosismo era acompanhada ora por piano, ora por outro(s) instrumento(s), que por sua vez tinham também oportunidade de se apresentar em solo.

O público reconheceu ou, se não, pelo menos admirou qualidade poética e arranjo musical de temas como “O que será”, “Cotidiano”, “Trocando por miúdos”, ou ainda de “Desabafo de Joana para Jasão”, que Chico Buarque compôs em prosa.

festival_artes_palavra_mulher.23 festival_artes_palavra_mulher.28 festival_artes_palavra_mulher.24

Se esta “Palavra de mulher” é sobretudo sofrida, determinada, sujeita a condicionalismos de ordem vária, independente… fica ao critério de cada ouvinte.

Seguramente, todavia, as mulheres a que Sofia Vitória deu voz partilham o caráter apaixonado, que com “Valsinha” o encore sublinhou.

No final, a Ursa Maior brilhava por cima do palco.

 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.