Palácio de Monserrate promove concertos para Bébés: Um Dia Na Floresta

Reportagem de Elsa Furtado e Francisco Padrão Mota (fotos) com DFM

08-FPM_5034 - Copy

O mundo dos bébés é considerado um universo muito especial, mágico, onde a fantasia e a imaginação imperam. Um mundo tão especial, sobre o qual os pais apenas podem especular e imaginar como é. É um pouco com esta ideia como base, que se criam atividades e brinquedos para os mais pequenos, entre as quais a Música se destaca.

A música é uma daquelas áreas em que a opinião é quase consensual: “Os bébés gostam de música” e “a Música ajuda a estimular as crianças”, e é assim, que as mães põe os bébés a ouvir música quando ainda estão na sua barriga, e depois os põe a ouvir música cá fora, quer seja para adormecer ou para brincar.

Os concertos para bébés são uma das melhores ilustrações desta forma de pensar e agir. Há quem diga que “Eles são muito pequenos e não ligam”, outros dizem: “Viram como ele reagiu e riu?”, as opiniões e reacções variam, o certo é que eles são um sucesso, quer entre pais quer entre os mais pequenos e cada vez são mais.

O C&H quis viver a experiência e foi até Sintra, ao idílico Palácio de Monserrate, em Sintra, assistir ao concerto Um Dia na Floresta. Este dura cerca de 45 minutos e destina-se a crianças a partir dos 3 meses. O concerto tem lugar na sala da música e à volta do piano estão quatro “fadas musicais”.

O tema do concerto é “Um Dia Na Floresta e pretende recriar o ambiente de festa que se vive na Natureza. Trechos de música clássica, arranjados especialmente para bébés, com palavras simples, ritmos contagiantes e jogos de rimas, proporcionam um momento de envolvente magia para os mais pequenos. Através de histórias cantadas, o concerto convida todos a viver a aventura imaginária de um Um dia Na Floresta, através das suas personagens: o dia que nasce, as flores que cantam, o cuco que assobia, a formiga corredora, o caracol que põe os pauzinhos ao sol, o lagarto pintado, a fada desaparecida e a lua que chega quando o sol se põe…”.

Entre os vários temas escolhidos pode-se ouvir: “O Dueto das Flores” – Ópera Lackmé, de Delibes, século XIX; “Amanhecer”. Grieg, século XIX; “Canção do Cuco”. Adaptado de Benjamim Britten, século XX; “Canção da Formiga” e a “Canção da Fada”. Adaptações de modinhas luso-brasileiras do século XVIII; “Paçoca”. Um chorinho do século XX; “Canção do Caracol”, e termina com a “Canção do Adeus”: o Adágio do Inverno, das Quatro Estações de Vivaldi.

Durante os 45 minutos as crianças (umas mais atentas que outras), ouvem, sorriem e brincam ao som da música e interagem com duas das “fadas”, que brincam com elas e lhes chamam à atenção para sons, objetos e cores. No final, depois de muito dançar e brincar, são petizes alegres que deixam o palácio e saem para o Parque verdejante de Monserrate, uns a saltitar (outros a dormitar), tudo depende das idades.

O próximo Concerto para Bebés: Um dia na Floresta é já no próximo domingo, às 10h30 e vale a pena participar. Mas senão conseguir vaga, pode marcar para os dias 1 junho, 20 julho, 21 setembro e 16 novembro.

O preço para um adulto e uma criança até aos 48 meses (4 anos) é de 20 euros, e para um adulto e uma criança maior de 4 anos é de 15 euros.

As inscrições devem ser feitas previamente para o email comercial@parquesdesintra.pt; ou pelo telefone 21 923 73 00. Para mais informações e atividades consulte o site da Parques de Sintra – Monte da Lua.

 

 

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.