Orquestra Metropolitana De Lisboa Assinala 250 Anos Do Nascimento De Ludwig Van Beethoven Com Concerto De Marta Menezes

A Orquestra Metropolitana de Lisboa assinala os 250 anos do nascimento de Ludwig van Beethoven com dois concertos da pianista Marta Menezes, no âmbito do projeto “5 Encores para Beethoven”, um no sábado, 8 de fevereiro, no Teatro Virgínia, em Torres Novas; e o segundo no domingo, dia 9 de fevereiro, no Teatro Thalia.

O programa inclui as obras Concerto para Piano e Orquestra, N.º 1, Op. 15; Sinfonia N.º 7, Op. 92 e ainda, em estreia a obra Coda, de Nuno da Rocha, e a dirigir a orquestra vai estar o maestro Pedro Amaral.

Ludwig van Beethoven nasceu em meados de dezembro de 1770, há 250 anos. A sua figura está sobretudo associada ao despontar do Romantismo. A Sétima Sinfonia foi estreada nesse período, designadamente em 1813, num concerto de beneficência em favor dos combatentes austríacos que defrontaram as tropas de Napoleão Bonaparte na Batalha de Hanau. De acordo com o espírito da cerimónia, é uma partitura esfuziante, muito embora os compassos dolentes do andamento lento sejam hoje os que lhe são mais conhecidos.

Já os primeiros concertos para piano são bastante anteriores. São as primeiras obras que escreveu para orquestra, e caracterizam bem o momento em que o músico procurava afirmar-se no meio musical de Viena, assimilando as referências fundamentais de Haydn e de Mozart mas buscando, simultaneamente, uma identidade própria. Em particular, as irreverências do último andamento do Concerto para Piano N.º 1 são prenúncio da empresa colossal que veio pela frente.

O primeiro concerto decorre no sábado, 8 de fevereiro, às 21h30, no Teatro Virgínia, em Torres Novas, e os bilhetes custam 10 euros.

Já o segundo, decorre no domingo, 9 de fevereiro, às 16h00, no Teatro Thalia em Lisboa, e os bilhetes custam 16 euros.

Os bilhetes estão à venda nos locais e online.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.