Obras de Joana Vasconcelos na Bienal de Veneza 2015

28-expo_joana_vasconcelos (171)
Giardino dell’Eden – Joana Vasconcelos

É o regresso de Joana Vasconcelos à Exposição Internacional de Arte – la Biennale di Venezia, desta vez em três espaços diferentes: com Giardino dell’Eden, como convidada da Swatch; com a obra Via Iluminata na exposição coletiva Glasstress 2015 Gotika; e com Diane na exposição coletiva Heartbreak Hotel.

Giardino dell’Eden, é um labiríntico Eden de flores artificiais e luz, apresentado num pavilhão insuflável. Motores síncronos e discos policromados em rotação criam uma ilusão de movimento no labirinto de flores artificiais, sugerindo, em conjunto com sons mecânicos, o zumbido de insetos ou o sopro leve do vento. A obra estará em exposição até ao dia 22 de novembro de 2015.

A Glasstress 2015 Gotika é um evento colateral da 56.ª Exposição Internacional de Arte – la Biennale di Venezia, organizada pelo Berengo Studio em parceria com o State Hermitage Museum, de São Petersburgo.

Entre os artistas que participam nesta edição, encontram-se Bernar Venet, Jake & Dinos Chapman, Jaume Plensa, Olafur Eliasson, Song Dong, Thomas Schütte, Tony Cragg e Wim Delvoye, convidados a criar uma obra que, com a ajuda dos mestres das fornalhas de Murano, explorasse o conceito de gótico. Joana Vasconcelos apresenta uma nova obra , “Via Iluminata”, um vitral composto por vidro murano atravessado por luz e têxtil.

Comissariada por Dimitri Ozerkov, diretor do Departamento de Arte Contemporânea do State Hermitage Museum, e Adriano Berengo, do Berengo Studio, Glasstress 2015 Gotika estará patente no período de duração da Bienal.

Joana Vasconcelos está também representada no Heartbreak Hotel, a primeira grande exposição da Vanhaerents Collection fora do seu país, com a peça Diane.

A exposição apresenta trabalhos de artista como Bruce Nauman, Cindy Sherman e Andy Warhol, entre outros, e estará patente até 15 de setembro no Zuecca Project Space, na Giudecca, em Veneza.

Texto de Tânia Fernandes
Foto de Elsa Furtado

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.