Obras Da Coleção Norlinda E José Lima Para Ver Em Cascais

Uma seleção das obras que compõem a Coleção Norlinda e José Lima, sob a tutela do Centro de Arte Oliva, em São João da Madeira, estará patente na Fundação Dom Luís – Centro Cultural de Cascais, entre 30 de outubro de 2021 e 6 de fevereiro de 2022, numa iniciativa da Fundação D. Luís I e da Câmara Municipal de Cascais, no âmbito da programação do Bairro dos Museus.

Com curadoria de Luísa Soares de Oliveira, ensaísta e crítica de arte, e com a colaboração de Andreia Guimarães, diretora do Centro de Arte Oliva, a exposição Entre as Palavras e os Silêncios – Obras da Coleção Norlinda e José Lima reúne 104 obras, entre pinturas, desenhos, fotografias, esculturas e instalações, realizadas por alguns dos mais importantes artistas contemporâneos, portugueses e estrangeiros, muitas delas nunca antes mostradas em Cascais ou Lisboa.

Andy Warhol, Rui Chafes, Júlio Pomar, Victor Vasarely, Helena Almeida, Mário Cesariny, Graça Morais, Amish Kapoor, Adriana Varejão, entre outros artistas, terão as suas obras expostas em Cascais, revelando a diversidade desta colecção de arte privada em termos estilísticos, temporais e geográficos.

A Coleção Norlinda e José Lima iniciada há mais de 40 anos pelas mãos do empresário português da indústria do calçado, José Lima, com cerca de 1.300 obras de 480 artistas de todo o mundo, com maior concentração de obras realizadas nos últimos 40 anos, é considerada uma das mais significativas e abrangentes colecções de arte privada do país.

Na sua construção decisivamente voltada para a arte contemporânea, a Coleção Norlinda e José Lima compõe um impressionante panorama da produção artística nacional e internacional do último século, com obras produzidas entre 1926 e 2019, compreendendo as mais diversas formas de expressão, criatividade e processos artísticos.

A exposição será inaugurada no sábado, dia 30 de outubro, e poderá ser visitada de terça-feira a domingo, das 10h00 às 18h00. Os bilhetes custam 3 euros e podem ser adquiridos online e no local.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.