O Sono E A Sua Importância No Crescimento Das Crianças

Por Clementina Pires de Almeida - Psicóloga Clínica

Todos nós necessitamos de dormir, principalmente durante os primeiros anos de vida. Dormir é tão importante quanto comer, beber ou qualquer outra necessidade básica na vida de uma criança. E ao contrário do possamos pensar, por vezes não permitimos que as nossas crianças tenham a quantidade de sono que precisam, crítico para o desenvolvimento e funcionamento cognitivo adequado.

É certo que não o fazemos propositadamente, na realidade nós nem nos damos conta que o estamos a fazer e é precisamente esse o problema! Talvez por isso os resultados do inquérito acerca dos hábitos do sono dos Portugueses feito pelo LIDL, possam ser algo surpreendentes! Na atualidade em que vivemos, cheia de horários preenchidos com trabalho, escola, atividades extra-curriculares e outras realidades do dia-a-dia, os nossos dias começam mais cedo e as nossas noites são cada vez mais atribuladas.

Nesta atualidade às vezes temos de saltar uma sesta da tarde ou de nos deitar uma hora mais tarde do habitual, e estas exceções aparentemente inocentes, têm efeitos dramáticos no desenvolvimento dos nossos filhos. E vão ter efeitos a longo prazo, que podem durar a vida toda.

O sono ou a falta dele, tem um impacto direto no crescimento e desenvolvimento físico e emocional de uma criança, podendo estar na base por exemplo da baixa estatura em certas crianças, na obesidade ou da sua propensão a desenvolver diabetes.

A hormona de crescimento é libertada durante a noite durante certas fazes do sono. O sono pesado, a fase de N-REM, que ocorre principalmente durante o primeiro terço de uma noite de sono, é uma fase essencial para a secreção desta hormona. Se esta fase do sono é interrompida o crescimento pode não ocorrer adequadamente. Por outro lado, as disrupções e a privação, de sono comprometem o equilíbrio hormonal e podem causar danos no hipotálamo, uma área do cérebro que é responsável por regular o apetite e os consumos de energia (ou seja, o metabolismo).

O sono funciona como o “carregar de baterias” que vai permitir à criança o manter a atenção, a memória e a capacidade de aprendizagem, mas também a sua capacidade de regular as emoções (não será por acaso que a falta de sono as torna mais rabugentas, com humor mais instável e irritadiço). Se isto é valido para qualquer criança, mais será para as crianças que se encontram hospitalizadas e que por isso tanto beneficiam dos voluntários da Nuvem Vitória, que todas as noites garantem a estas crianças a possibilidade de uma melhor e mais duradoura noite de sono.

Certas áreas do cérebro são muito estimuladas durante o sono, permitindo que as crianças sejam mais criativas, atentas, com maior motivação e concentração, tenham uma maior capacidade de resolver problemas, de tomar decisões mais conscientemente e positivas, e criar ou manter boas relações com outras crianças. Com o tempo a privação de sono pode também aumentar o risco da criança apresentar distúrbios de ansiedade ou depressão.

É devido a estas alterações que a vida nos “forçou” a adaptar na nossa rotina e pela importância que o sono representa na nossa saúde, bem-estar e sucesso, que a campanha promovida pelo LIDL em conjunto com a Nuvem Vitoria, assume um papel de utilidade pública para todos os Portugueses.

Melhores noites de sono, para as crianças hospitalizadas, assim como, na casa de todos os portugueses, vai-nos trazer um futuro melhor: crianças e suas famílias mais saudáveis com mais sucesso, e acima de tudo, uma sociedade mais feliz!

Clementina Pires de Almeida é psicóloga clínica com especialidade em bebés, doutorada pela Faculdade de Psicologia e de Ciências da Educação da Universidade de Coimbra (FPCE-UC) e certificada em saúde mental infantil no Reino Unido e EUA. É fundadora e investigadora no BabyLab da FPCE-UC, com larga experiência no acompanhamento de bebés, crianças, adultos e das suas famílias, e do ForBabies, um projeto exclusivamente dedicado aos bebés (0-36 meses) que, para além da atividade clínica, conta com inúmeras atividades para eles, nomeadamente com o BabySense, um programa inovador de estimulação sensorial, e com o único spa clínico para bebés no país, o Spa ForBabies. É também autora de diversos artigos científicos em revistas estrangeiras e nacionais e colabora regularmente com a imprensa, nomeadamente com a revista Pais e Filhos.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.