Myriad by Sana Hotels já abriu em Lisboa

O novíssimo Myriad by Sana Hotels abriu numa zona nobre da cidade, no Parque das Nações, paredes meias com a Torre Vasco da Gama,  com 186 quartos, dois restaurantes, um SPA e diversas salas de reuniões que se erguem até 143 metros de altura. O Myriad fica a a 5 minutos do aeroporto Internacional de Lisboa, a 15 minutos de carro do centro da cidade e junto às principais vias de ligação Sul e Norte.

Myriad by Sana Hotels é o primeiro hotel construído sobre as águas do Tejo e a primeira unidade hoteleira cinco estrelas da cadeia Sana Hotels em Portugal. O projecto é da autoria do Arquitecto Nuno Leónidas que privilegiou a integração dos elementos, conseguindo a simbiose perfeita entre torre e hotel, onde a transparência do edifício acentua a vista panorâmica e a luz natural.

Os quartos e suites têm uma decoração cosmopolita e sofisticada, em tons de preto e prata e vermelho, com uma vista panorâmica e privilegiada sobre Lisboa e o Tejo. Os quartos estão equipados com tecnologia de ponta, que permite personalizar a música ambiente através do ipad ou iphone.

O hotel apresenta obras de arte da autoria de Sofia Courteilles, o “Painel Anyma”, e de autoria conjunta de Sofia Courteilles e Miguel David Pinho, as peças “Navegar é preciso…viver” e “World.

Sayanna Wellness SPA funciona no 23º andar com um conceito personalizado de luxo. Dos serviços disponíveis destacamos o Flutuário –  que simula as águas do Mar Morto, a sauna com paredes de vidro para o exterior e a VIP SPA Suite, para duas pessoas.

O River Lounge é o restaurante/bar principal e localiza-se no piso térreo. Caracteriza-se por um ambiente trendy, contemporâneo e literalmente sobre o Rio Tejo. A sua cozinha oferece uma viagem para os cinco sentidos, com assinatura do chef alsaciano, Frederic Breitenbucher. O chef apresente uma cozinha criativa portuguesa baseada nas tradições do mar.

Anexo ao hotel localiza-se o Myriad Crystal Center, um centro de congressos com 1.500m2 de área útil, equipado com tecnologia de ponta e envolto em luz natural.

Por Clara Inácio
Fotografia gentilmente cedida pelo hotel

1 Comentário

  1. Só agora fiquei a saber que este Hotel teve como autor o meu antigo colega e amigo , Arq. Nuno Leónidas. Tenho acompanhado o seu percurso, desde que saiu de Lisboa, da ESBAL, e cruzou o Atlântico até ao Brasil, onde também estudou e exerceu, e desde que regressou a Portugal, não pára de nos surpreender. Parabéns pela sua nova obra, e logo que for a Lisboa , faço questão de ir visitar este hotel.
    Já ouvi falar desta cadeia de Hoteis, sei que também têem um hotel em Málaga , e que usam as novas tecnologias, a todos os níveis. Estão todos de Parabéns. Só falta agora um Hotel, no Algarve…
    Um bem Haja.

    Marília Nobre

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.