Músicos E Artistas De Clube São O Cartaz Do The Great Lisbon Club

The Great Lisbon Club
  • The Great Lisbon Club anuncia-se como o festival dos pequenos palcos e vai trazer músicos e artistas de clube ao bairro da Graça, em Lisboa. Os espetáculos vão ter lugar na Voz do Operário, Largo da Graça e bar Camones, entre os dias 2 e 5 de dezembro.

A apresentação do festival teve lugar este domingo, no bar Camones e contou com alguns dos nomes que integram o cartaz. A recepção e boas vindas foi feita pela performer burlesca Manu de La Roche, seguiram-se as atuações de Rita Braga e de JP Simões como Bloom. Contou ainda com um DJ set de Lady G Brown.

Partilham a direção artística do festival Miss Suzie (cantora, atriz, performer e diretora de arte) e Julita Santos (produtora e gestora cultural). Na apresentação do festival, Julita explicou-nos que quiseram construir um projeto “que não fosse uma coisa pontual, mas que fosse planeado para ser um evento anual, como todos os outros grandes festivais que existem, mas dedicado apenas a este circuito de bandas e artistas de clubes que dão tanto carisma à nossa cidade de Lisboa e aos bairros e que unem tanto a comunidade e artistas. Isso faz muita falta.” Miss Suzie acrescenta à importância dos clubes o facto de terem trazido, vários movimentos e estilos musicais: “Inclusivamente, grandes artistas que hoje tocam em palcos gigantescos começaram nesses nichos”.

O cartaz de The Great Lisbon Club não se faz só de música, como nos explicou Miss Suzie. “Toda esta fauna clubística não são só músicos ou bandas. Existem performers, burlesco, artistas de circo, bailarinos. Há aqui lugar para toda uma série de coisas que acontecem nos clubes, onde há lugar para experimentar, para fazer fusão de projetos, como se as almas se encontrassem. Os clubes sempre foram lugares de criação primordial.”

Um laboratório experimental, de grande proximidade entre os artistas e o público, é o que pretendem trazer para este evento. Julita refere que “os concertos são completamente exclusivos e inéditos. Aqui não há cabeças de cartaz. Nós pedimos às bandas para trazerem um convidado que tornasse estes concertos numa coisa ainda mais especial para o público e temos coisas maravilhosas como os Desconectados a trazerem Jorge Palma e Manel Cruz, por exemplo. Isso vai fazer desse concerto uma coisa única, que só vai acontecer aqui no The Great Lisbon Club“.

Manu de La Roche

No cartaz vão estar muitos artistas a colaborar uns com outros e estilos muito diversos. Os Pop Dell’Arte encontram o saxofonista Rodrigo Amado, Bezegol & Rude Bwoy Banda convidam Marta Pereira da Costa, os Bizu Coolective chamam Da Chick, João Cabeleira vai tocar com os Budda Power Blues, os Desconectados contam com a ajuda de Jorge Palma e Manel Cruz, JP Simões apresenta o último disco do seu alter-ego Bloom com a prestação de Nuno Ferreira, Suzie and The Boys têm a companhia de Symone de la Dragma, os Lefty vão rockar com Scúru Fitchádu, entre outras colaborações. Há também actuações de They’re Heading West e de Rita Braga, DJ sets e performers, entre outros.

O festival vai ainda contar com alguns DJs como Mike Stellar, Lady G Brown, Lucky ou as duplas B Sessions (Mikas e Ricardo Pinto) ou Chills and Fever (A Boy Named Sue e Nuno Rabino). Consulte o programa completo no site do festival.

Os bilhetes encontram-se à venda nos locais habituais e custam 40 euros o passe geral e 15 euros os bilhetes diários.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.