Museu de Évora apresenta coletiva de pintura O Tempo e o Modo

O_tempo_e_o_modoInaugura hoje, pelas 18h00, a exposição coletiva de pintura O Tempo e o Modo, no Museu de Évora, organizada em parceria pela Escola de Artes da Universidade de Évora e Direção Regional de Cultura do  Alentejo – Museu de Évora.

Esta exposição resulta do trabalho dos alunos do 1º ano de Pintura Universidade de Évora sobre a coleção de pintura Flamenga do Museu de Évora,  designadamente o retábulo da Vida da Virgem, obra flamenga anónima do Século XVI, e mostra os testemunhos de mais de uma década de registo pictórico e transformação usando aquele retábulo como modelo.

A mostra reúne “A Pintura e as Pinturas” de Ana Paula Rosa, Blanca Rodriguez Moreno, Carina Castro, Carolina Oliveira, Catariana Miragaia, Catarina Salvadinha, Catarina Araújo, Débora Pires, Diogo Gonçalves, João Bacelar, Lúcia Melro, Mariana Frias, Nazariy Voloshchuk, Pedro Ambrósio, Rafael Santos  Ricardo Pelado e Rita Matias.

A acompanhar a exposição pode ser visto um diálogo em vídeo (gravação e edição de Marius Araújo) entre três docentes de Pintura da Universidade de Évora, Filipe Rocha da Silva, Tomás Cunha Ferreira e Pedro Portugal, onde são abordadas algumas das questões presentes.

Tempo e o Modo pode ser vista até dia 8 de dezembro, de terça-feira a domingo, das 9h30 às 17h30, e o bilhete de entrada no Museu de Évora custa 3 euros.

Texto de Susana Sena Lopes

 

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.