Museu de Arte Histórica de Viena apresenta exposição dedicada a Fabergé

faberge.jpgFabergé – o Joalheiro do Czar é a mais recente exposição patente ao público no KHM de Viena (Kunsthistorisches Museum – Museu de Arte Histórica) e que pode ser vista até maio de 2014.

A mostra, oferece uma visão única do mundo fascinante da arte da joalharia russa, com cerca de 150 peças da colecção do Museu do Kremlin, em Moscovo, e que pela primeira vez podem ser vistas na Áustria.

O Museu do Kremlim, em Moscovo, abriga uma das mais importantes colecções de Arte Decorativa dos finais do século XIX aos princípios do século XX da Rússia, época em que joalheiros destacados e artisticamente versados estabeleceram oficinas importantes nas maiores cidades do império do Czar.

Entre os vários artistas, a Casa Fabergé conseguiu establecer-se através das suas criações artísticas criando fama como fabricante líder  para lá da Rússia. O nome Fabergé é ainda hoje, o símbolo de criações de joalharia fora do vulgar.

Famosos são sobretudo os ovos de páscoa em ouro, prata, cristal ou esmalte, decorados com pérolas, rubis, brilhantes e outras pedras preciosas que até hoje sao altamente considerados  como cobiçados objectos de colecção.A mostra pode ser vista de terça-feira a domingo, das 10h00 às 18h00 e à quinta-feira até às 21h00. Os bilhetes custam 14 euros e são gratuitos para jovens até aos 19 anos.

Texto de Dolores Barroso (em Viena)

 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.