Marrocos transposto para o Castelo dos Mouros em Sintra

Reportagem de Tânia Fernandes e António Silva 

maroc21Os “Mouros” invadiram o Castelo de Sintra e estão a conquistar os visitantes pelos sentidos. Até ao dia 15 de setembro há gastronomia, música, arte e cultura de Marrocos para conhecer. É como se a vida voltasse a fervilhar entre muros.

Recentemente restaurado, este local simbólico do passado muçulmano em Portugal proporciona o cenário e ambiente ideal a esta mostra. Numa parceria entre a Parques de Sintra e a Embaixada de Marrocos em Portugal, está a decorrer, no Castelo dos Mouros, durante 10 dias, o evento Marrocos no Castelo dos Mouros.

A gastronomia marroquina é dada a conhecer, diariamente, num buffet (pago à parte e com número limitado) que inclui tajines, pastilla e cigare, para além da doçaria tradicional. A pontualidade aqui pode fazer a diferença na variedade de iguarias a que se tem acesso. Nos próximos dias 13 e 14 de setembro (sexta e sábado às 17h30) está previsto um show cooking conduzido pelo chefe Al Houssine Anssis, cozinheiro oficial da Embaixada de Marrocos em Portugal. A refeição é servida na esplanada da cafetaria, aberta recentemente, localizada na antiga Casa do Guarda.

O grupo musical Gnawa Al Baraka são a banda residente do evento. Atuam todas as tardes e nas noites em que o evento se prolonga. Nos “tempos mortos” também é possível que estejam a marcar ritmo em alguma tenda. São músicos tradicionais marroquinos que misturam sonoridades do sub-Sahara africano, berbere, árabe e canções religiosas. O espetáculo pode combinar música com dança acrobática.

Esta experiência marroquina no Castelo dos Mouros conta ainda com espaços próprios para o comércio de vestuário, produtos de cosmética, especiarias, objetos de madeira e couro, joias e artesanato. Conhecer as tradições tão enraizadas como a caligrafia árabe, a cerimónia do chá e as tatuagens de hena, também é possível. E com todas as explicações acessórias que a curiosidade lhe suscitar. A moda foi o ponto alto no dia de abertura, com o desfile de Caftans, traje morroquino feminino de cerimónia, da estilista Fatiha Barha.

A Cisterna, um dos espaços do Castelo recentemente recuperados tem agora patente uma exposição de fotografia de Mustapha Meskine. Fantasia é inspirada no espetáculo equestre tradicional árabe que simula ataques militares.Para a visita recomenda-se calçado confortável. Apesar de restaurado, o piso é o de um castelo, irregular. Se o programa for noturno o agasalho é obrigatório. O “acentuado arrefecimento noturno” por estas bandas tem todas as letras com que se escreve e chega a sentir-se nos ossos!

Marrocos no Castelo dos Mouros decorre no Castelo dos Mouros em Sintra, de 6 a 15 de setembro. Dias 9, 10, 12 e 15 de setembro o Castelo está aberto das 10h00 às 20h00 e dias 11, 13 e 14 o horário prolonga-se até às 23h00.

O bilhete de acesso ao castelo pode ser adquirido nas bilheterias locais e custa 7 euros para adultos e 6 euros para jovens. Há descontos para famílias e grupos. O acesso ao almoço ou jantar marroquino é efetuado mediante aquisição de suplemento ao bilhete, no valor de 15 euros.

Horários:

13h00 às 15h30  – Almoço marroquino (exceto no último dia, 15 de setembro em que decorre entre as 12h00 e as 15h00)

16h00 – Cerimónia do chá

16h00  às 17h00 – Concerto Gnawa Al Baraka

Nas noites em que o evento decorre:

19h00 às 21h00 – Jantar Marroquino

21h00 às 22h00 – Concerto Gnawa Al Baraka

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.