MAGICSHOT Gaming Festival Decorre Este Fim De Semana No Pavilhão Do Oriente – Parque Tejo

É já neste fim de semana que decorre mais uma edição do MAGICSHOT Gaming Festival, desta vez no Pavilhão Do Oriente, no Parque Tejo, e que promete mais de 20 horas de entretenimento com entrada gratuita.

O programa, pensado essencialmente para o público em geral, inclui conteúdos entre o gaming e performances artísticas, áreas de consolas, PC LAN, realidade virtual, lojas, como a PopStore, e diversas marcas como Nintendo, PlayStation, XBOX, AlphaGamer, AOC, Philips e 4Gaming.

PALCO MAGICSHOT Gaming Festival

É no palco que o mundo do gaming se cruza com as performances, em momentos únicos de música e dança. Aqui, a programação é diversa e conta com torneios, performances, quizzes interativos e muito mais. Por aqui vão passar  o 4Gaming MagicShot CS:GO Cup, um torneio de CS:GO, um dos maiores desportos eletrónicos do mundo que coloca em disputa as maiores equipas nacionais, que irão concorrer em 10 PCs de alta performance.

Os grandes clubes de desportos eletrónicos vão marcar presença, como a Tropa Suprema, Panthers, GrowUp e For the Win e os vencedores do primeiro ao quarto lugar irão ser premiados com mais de mil e cem euros em prémios. Haverá o AlphaGamer MagicShot Fornite Challenges, o jogo mais famoso da atualidade jogado por milhões de pessoas a nível mundial, que estão a ser desenvolvidas pela MagicShot em conjunto com a maior comunidade online de Fortnite nacional, a 7Damage.

A este palco irão também juntar-se os maiores influencers do mundo digital português – youtubers, celebridades do twich e caras bem conhecidas do instagram – que vão surpreender o público com diversos desafios interativos. Estão já confirmados Alexandre “Archarom” Maia, comentador principal das fases finais do torneio de CS:GO, vencedor do prémio “Personalidade do Ano” dos Prémios Esports Portugal e Tomás “Shikai” Sousa, a cara mais conhecida do Fortnite em Portugal e um dos melhores jogadores a nível mundial.

O MAGICSHOT Gaming Festival apresenta ainda o DR. WHY QUIZZ TIME, a plataforma de quizzes interativa mais avançada da Europa.

Neste palco, serão ainda apresentadas performances únicas de música e dança, com coreografias baseadas em músicas de videojogos como Fortnite, Mario, Zelda, e muito mais. Especial destaque para o espetáculo de abertura dos torneios de CS:GO com coreografia e bailarinos da Jazzy Dance Club, num momento onde a luz, vídeo e música se unem criando o ambiente perfeito para pôr o público a dançar.

O MAGICSHOT Gaming Festival conta ainda com cosplay por todo o evento, criando o ambiente ideal para envolver o público no mundo dos videojogos.

Outras Áreas

Na área de consolas o público poderá ter contacto com as mais recentes versões da Nintendo, Playstation e XBOX. Já na área de PC LAN podem aceder a uma zona de PC Gaming para jogar gratuitamente que será instalada em diversos computadores de alta performance prontos para correr os mais recentes títulos multijogador. Nesta zona, as atividades são promovidas pela 4Gaming, que vai oferecer cerca de 300 euros em prémios em jogos como Apex, League of Legends, entre outros.

Na zona de realidade virtual, os visitantes poderão “viajar” por momentos alucinantes, vivendo experiências como a Virtual Fun, onde podem andar dentro do jogos, em 360º, sem sair do sítio, através de uma plataforma única em Portugal: a Virtuix Omni.

Vai ainda existir uma área dedicada ao K-POP, as famosas danças tradicionais da Coreia do Sul que são um sucesso nos maiores eventos mundiais de Anime, Manga e Gaming.
O festival conta também com uma área expositiva de lojas, na qual estarão disponíveis os produtos mais desejados pela cultura geek e de videojogos, e ainda uma zona onde as marcas presentes no festival terão as suas próprias ativações, onde poderão dar a conhecer os seus produtos e serviços.

O MAGICSHOT Gaming Festival vai decorrer nos dias 30 e 31 de março, das 10h00 às 21h00, no Pavilhão Do Oriente, no Parque Tejo, com entrada gratuita.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.