MAAT Apresenta Exposição De Fotografia De Arquitetura Após A Revolução Digital

O MAAT apresenta ao público a partir de hoje a exposição Ficção e Fabricação. Fotografia de Arquitetura Após a Revolução Digital, na Galeria Principal do edifício do MAAT.

A exposição, com curadoria de Pedro Gadanho e Sérgio Fazenda Rodrigues, reúne cerca de 50 artistas que constroem e manipulam imagens feitas a partir de objetos e espaços arquitetónicos e que evocam o imaginário da arquitetura como tema central da fotografia contemporânea.

Desde as obras seminais de Andreas Gurski, Thomas Ruff, Jeff Wall ou Thomas Demand até às criações ficcionais de Beate Gütschow, Oliver Boberg ou Isabel Brison, delineia-se um panorama da fotografia de arquitetura que contorna abordagens objetivas e privilegia as efabulações sobre o real entre o olhar cinematográfico, a desconstrução da imagem ou as narrativas mais politizadas. Numa era em que os meios digitais dominam a fabricação de imagens arquitetónicas para consumo mediático, as ficções provenientes do campo artístico surgem aqui como uma alternativa crítica que interroga e amplia a conceção da arquitetura.

A exposição vai estar patente de 20 de março a 19 de Agosto de 2019, entre as 11h00 e as 19h00, de quarta a segunda-feira (encerra à terça-feira). O bilhete de acesso custa 5 euros. Há descontos para estudantes, seniores e grupos entre outros. No primeiro domingo de cada mês a entrada é gratuita.

No dia 6 de abril, pelas 16h00, vai decorrer uma Visita-diálogo com Sérgio Fazenda Rodrigues, um dos curadores da exposição, onde as interseções entre arquitetura, fotografia e arte e as suas ficções estarão no centro dos temas em discussão. Uma visita com Hugo Barata.

A Visita-diálogo tem a duração de 60 minutos, tendo um custo de 7€ com descontos para desempregados, estudantes (+19 anos), funcionários da EDP e séniors (+ de 64 anos). Os bilhetes são pagos a partir dos 10 anos.

Ainda no dia 31 de maio, a partir das 9h30, por ocasião da exposição Ficção e Fabricação, do MAAT, terá lugar a 5.ª edição da conferência internacional ON THE SURFACE sob o tema “Visual Spaces of Change: Unveiling the Publicness of Urban Space” – com foco nas transformações contemporâneas do espaço público. Esta edição propõe debater e explorar o potencial da fotografia como instrumento significativo para investigar, refletir e tornar visível a emergência de novas experiências coletivas no espaço social. Esta conferência constitui um significativo fórum sobre Fotografia de Arquitetura.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.