Livros Do Brasil Reedita Clássicos Portugueses

Uma Família Inglesa, de Júlio Dinis, e Uma Abelha na Chuva, de Carlos de Oliveira, obras de dois grandes autores da literatura portuguesa, são as mais recentes reedições da Livros do Brasil.

Uma Família Inglesa, de Júlio Dinis, chega à coleção Clássicos Portugueses, recentemente inaugurada pela Livros do Brasil, com um grafismo semelhante às Obras de Eça de Queiroz e mantendo a grafia anterior ao de 1990.

Revelado em folhetins, no Jornal do Porto, em 1867 e publicado em volume um ano depois, este romance, que afirmou a singularidade de Júlio Dinis na literatura portuguesa, apresenta-nos os dias de Carlos Whitestone, jovem herdeiro de um lucrativo negócio de exportações, passados em pleno devaneio boémio nas ruas, nos cafés e na noite da cidade do Porto. Por alturas do Carnaval, num baile de máscaras, Carlos apaixona-se por uma rapariga belíssima, cuja identidade desconhece, mas que irá descobrir tratar-se de Cecília, filha do modesto e obediente guarda-livros que trabalha para o seu pai. É a história deste casal aquela que se narra em Uma Família Inglesa: a força do seu encontro e a mudança a que ele os obrigará, denunciando os dois grandes temas da obra – a família e o trabalho.

O Livro, de capa mole, tem 512 páginas e está à venda por 11 euros.

E à coleção Miniatura junta-se Uma Abelha na Chuva, de Carlos de Oliveira. Publicado originalmente em 1953, este romance marcou o reconhecimento literário do seu autor e deu origem ao filme homónimo de Fernando Lopes em 1971.   

Nesta que é uma das obras pioneiras da literatura neorrealista em Portugal, o protagonista, Álvaro Rodrigues Silvestre, vive um casamento falhado e estéril, gerado pela conveniência de antigos interesses familiares. Tudo se passa na pequena aldeia de Montouro, espaço provinciano onde todas as biografias se cruzam e intrometem umas nas outras. Num outono chuvoso e lamacento, as vidas das personagens de Uma Abelha na Chuva afundam-se num ciclo trágico de mentiras, vingança e amores frustrados, que põe a nu a estrutura social de um Portugal pobre e desamparado.

O Livro, de capa mole, tem 112 páginas, e tem um custo de 8,80 euros.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.