Lisboa Sentiu a Força da Arte Flamenca Este Fim-de-Semana

Reportagem de Sara Santos (Fotografia) e Patrícia Neves (Texto)

flamenco-21[dropcap]O[/dropcap] Ballet Flamenco de Madrid veio a Lisboa mostrar o seu espetáculo mais recente: Flamenco Feeling. Foram dois dias com coreografias de flamenco ortodoxo, fiel à tradição, como Sara Lezana já nos habituou.

Esta bailaora – expressão usada para denominar as bailarinas de flamenco –, que já esgotou salas em digressões mundiais, assumiu a direção do Ballet Flamenco de Madrid em 2005, companhia onde é bailarina e coreógrafa.

O público teve oportunidade de sentir a paixão e energia desta atuação, chegando mesmo a interagir com os bailarinos, através de gritos de força – como os famosos “Olé” – típicos desta dança espanhola.

Com recurso às castanholas, mantons, bata de cola e bengalas, do palco deslizou a arte flamenca, transmitindo a força e energia deste género de música.

[satellite auto=on caption=off thumbs=on]

 

O Teatro Tivoli BBVA em Lisboa encheu-se, nos dias 27 e 28 de fevereiro, para assistir a um espetáculo com poesia de José Martí como fio condutor, e com interpretação ao vivo de seis bailarinos e quatro músicos.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.