Lisboa Recebe Paratíssima

Paratíssima é a mostra de de arte contemporânea que vai invadir as ruas da Freguesia de Santa Maria Maior em Lisboa, de 20 a 24 de julho, e atravessa também os bairros de Alfama, Castelo e Mouraria, ao longo de 2.50 km.

A mostra apresenta trabalhos de 300 artistas, de 16 nacionalidades, sendo cerca de um terço dos participantes estrangeiros, com forte presença de artistas do Brasil, Espanha e Itália, e pode ser vista num percurso que vai desde o Largo do Chafariz de Dentro até ao Martim Moniz, divididos em seis quadros expositivos: ParaPhoto, ParaVideo, ParaPlastic, ParaVisual, ParaDesign e ParaFashion.

Patio_D_FradiquePela primeira vez em Portugal, “Paratissima nasceu em 2004, em Turim (Itália), num movimento de ruptura com a musealização e elitização da arte contemporânea, propondo uma exposição colectiva no espaço público destinada à apresentação de artistas independentes ou emergentes que, às margens dos circuitos oficiais da arte, desejem aceitar o desafio expositivo do espaço urbano e experimentar um contexto dinâmico de grande visibilidade. A mostra  pretende aproximar a arte contemporânea de um público mais alargado do que o das galerias e dos museus e dinamizar as ruas da cidade através de arte e cultura, incentivando a cidadania activa e a participação dos moradores na criação de um circuito expositivo ligado às especificidades do território”.

map_simple-01

A mostra tem entrada livre e “pretende ser um projeto inclusivo e democrático de arte contemporânea, oferecendo uma diferente forma de a apreciar, através de ruas e de locais de exposição improváveis e ao mesmo tempo criar novos ritmos e percepções das paisagens urbanas e convidando a população a descobrir áreas menos conhecidas e a repensar os problemas, as potencialidades e os futuros possíveis do centro histórico da nossa cidade”. A organização é da Junta de Freguesia de Santa Maria Maior e da EBANOCollective.

 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.