Labirinto Em Percurso Na Judiaria Da Guarda

A peça Labirinto, com encenação de Graeme Pulleyn, estreia hoje, pelas 21h30, na Guarda. O espetáculo repete-se nos dois dias seguintes, à mesma hora e tem início no Largo do Torreão e percorre a Antiga Judiaria.

Labirinto é feito de encontros, entre o velho e o novo, o passado e o presente, amigos e inimigos, homens e mulheres, judeus e cristãos, israelitas e palestinianos, músicos e atores, amadores e profissionais. Os pontos de partida são vários: as ruas da antiga judiaria da Guarda, as estórias e memórias das pessoas e das pedras que nelas vivem e viveram, O Mercador de Veneza de William Shakespeare, reflexões nossas sobre conflitos que parecem não ter solução, ontem, hoje e amanhã…

O espetáculo é da responsabilidade da Rede Artéria, tem encenação de Graeme Pulleyn e conta com interpretação de Caroline Zeiler, Rita Freire, Dennis Xavier, Carlos Morgado e Emília Beirão.

E vai passar por Miragaia, Museu Judaico de Belmonte, Smas, Vilar Formoso – Fronteira da Paz, Ordem dos Médicos (Secção Distrital da Guarda), Raquel Almeida e Rosa Morais.

O espetáculo tem entrada gratuita e lotação limitada, obrigando por isso a reserva antecipada.

O espetáculo será depois apresentado em Tábua, no dia 8 de setembro, às 21h30; em Viseu, no dia 22 de setembro, às 18h00 e na Figueira da Foz, no dia 29 de setembro, às 21h30, sempre com entrada é livre.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.