Lá Fora – Festival Internacional De Artes Performativas Anima Évora Até 10 De Junho

De 7 a 10 de junho vai decorrer em Évora a 5ª edição do Festival Lá Fora, dedicado às Artes Performativas, numa iniciativa da Fundação Eugénio de Almeida.

O programa do festival inclui concertos, espetáculos de dança e multimedia, para toda a família e conta com direção artística de José Alberto Ferreira.

A abertura tem lugar no Páteo de S. Miguel com o espetáculo O Flautista, dos catalães Llobet & Pons e interpretação do flautista;”>Carlos Bechegas; seguindo-se o projeto musical Sequin da eborense Ana Miró.

No dia 8 as propostas são para uma visita em forma de dança aos espaços do Centro de Arte e Cultura da Fundação Eugénio de Almeida pela Companhia Instável; e à noite um concerto pela Orquestra de Jazz de Évora (OJE), composta por alunos do curso de Jazz da Universidade de Évora e a terminar a noite, um concerto pelos Cais Sodré Funk Connection, ambos no Páteo de S. Miguel.

No dia 9 é a vez de um concerto de Joana Guerra – voz e violoncelo, no Páteo de S. Miguel, seguem-se os ingleses Reckless Sleepers que apresentam um espetáculo com coreografia da belga Leen Dewilde. No Pátio de Honra do Centro de Arte e Cultura é a vez de A String Section, um espetáculo com cinco bailarinas vestidas de preto. À noite, no Pátio das Colunas do Centro de Arte e Cultura, António Bexiga e Cristina Viana apresentam o concerto multimedia Quando as Sereias São Pássaros. Ainda à noite, o Festival Lá Fora cruza-se com o EA Live Évora que tem início neste dia, no Páteo de S. Miguel, com os concertos de Lince e Dead Combo.

O encerramento do Festival tem lugar na manhã de domingo, dia 10, com o Projecto Migratório de Catarina Garcia e Sofia Aires, em que um “carro transporta, esconde, acolhe e mostra dança, viajando com humor pelas ruas em frente ao Centro de Arte e Cultura e ao Templo Romano. Repete, em loop, a cada meia hora, entre as 11h00 e as 12h30”.

Os bilhetes estão à venda no Centro de Arte e Cultura e nos dias dos espetáculos no Centro de Arte e Cultura até às 19h00 e na Coleção de Carruagens a partir das 19h00, e custam 3 euros para dia 7, 6 euros para dia 8; dia 9 – Bilhete EALIVE ÉVORA 10 euros; dia 10 a entrada é gratuita e o passe de 3 dias custa 12 euros. O espetáculo A String Section tem entrada livre e o bilhete para Quando As Sereias São Pássaros custa 2 euros.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.