Gourmet Experience – Degustar A Melhor Seleção De Gastronomia Da Ibéria Em Lisboa

Reportagem de Tânia Fernandes e António Silva

Gourmet Experience Lisboa

Abriu nas vésperas de Natal e rapidamente se tornou num dos sítios mais solicitados para conseguir mesa. Agora que a afluência ao Gourmet Experience já permite que se usufrua do espaço com comodidade, vale a pena apreciar os recantos que os conhecidos Chefes aqui montaram. Com as temperaturas a subir, recomenda-se também a passagem pelo espaço exterior, com uma bela vista sobre a cidade. Aqui resumimos o que lá vai poder encontrar.

O caminho para lá chegar até pode ser penoso. Fica localizado no 7ª piso do edifício do El Corte Inglês. E se for de escadas rolantes, há probabilidade de ser desviado do objetivo por outras tentações mundanas. Ainda assim, vale o “esforço”!

Quando a utilização da palavra gourmet era ainda uma raridade na boca dos portugueses, o El Corte Inglés de Lisboa abria um espaço com produtos selecionados, junto ao supermercado. Uma diferenciação premium que foi conquistando cada vez mais clientes. A abertura mais recente do Gourmet Experience veio reforçar essa aposta, criando melhores condições a esses visitantes. Permitiu não só aumentar a oferta em termos de variedade, de disposição, mas também fazer com que essa compra possa ser potenciada com um momento de usufruição. É que no Wine Bar vai poder provar um vinho, um espumante, um enchido ou um queijo, por exemplo, à venda neste Club El Gourmet, preparado com todo o rigor. Há também ostras e pintxos bem tentadores.

A Restauração

Gourmet Experience Lisboa

A grande atração do Gourmet Experience é o conjunto de espaços com representação de chefes da alta gastronomia. É assim, possível aqui, fazer uma refeição com uma seleção de pratos de conceituados cozinheiros ibéricos.

Todos os espaços têm a cozinha aberta e é possível ver como são confecionados os pratos. Alguns deles, permitem mesmo que se faça a refeição ao balcão, e assim retirar mais informação desta experiência. É possível almoçar ou jantar em cada um dos restaurantes, e usufruir da decoração que cada um pensou para a sua ementa, ou ficar na zona comum e ter maior flexibilidade na construção do menu. Através de um sistema de table tracker, um funcionário leva à mesa o pedido já pago.

E com tanta escolha, por onde começar?

O melhor mesmo é parar para uma reflexão no The G Bar. Há vinho, cervejas e outras bebidas, mas neste espaço da Gin Lovers, a carta mais cobiçada é a do Gin, com uma grande variedade de cocktails com e sem álcool. Provámos o Top Secret, uma espécie de Marguerita com morango e pepino. Há também sangrias com gin, para acompanhar a refeição. Melhor ainda é a experiencia de degustação de Gin que é aqui possível fazer, cruzando o gosto pessoal com variedades e botânicos. Para a mesa, vem uma tábua com todos os utensílios e informação e, é o próprio cliente que, com a mesma bebida de base, o gin da casa, consegue fazer bebidas bem diferentes.

Sentados à mesa começámos esta viagem gastronómica. Do Atlântico, do Chefe Pepe Solla, podemos recomendar o Berbigão com Vinho Zarate e o Tártaro de Atum com paprika agridoce e salicórnia. Os mariscos, assim como tudo o que vem à rede é o ponto forte deste espaço de cozinha da Galiza.

O Chefe Kiko, deu a volta ao globo e trouxe para este Poke um encontro entre a cultura havaiana e a asiática. Encontrámos sabores surpreendentes no Poke de polvo maionese e no Poke de atum.

José Avillez tem a Tasca Chic, com pratos tradicionais apresentados de forma contemporânea. Foi de lá que provámos o Tártaro de atum com quinoa e molho de soja com gengibre. No Cascabel, o Chefe português fez uma parceria com o Chefe mexicano Roberto Ruiz e juntos exploram os sabores mexicanos. Daqui viajámos para paladares picantes com o Cocktail de camarão servido com totops e um molho de jalapeño.

Henrique Sá Pessoa explora, no Balcão, a cozinha nacional inspirada nas tradicionais tabernas portuguesas. E daqui serviram um lombo de bacalhau com purê de grão, maionese de anchovas, espinafres e tomate.

O Imanol de Aitor Ansorena apresenta uma fusão de novas tendências da cozinha basca internacional. Imperdível aqui é a Chuleta de novilho, com 35 dias de maturação.

O Chefe José Avillez assina também a carta do Jacaré, que se distingue por servir carne de elevada qualidade, cozinhada na grelha assim como pratos vegetarianos, saladas e sumos de fruta naturais. Daí recomendamos a Entranha Argentina com farofa, acompanhada de batata doce de aljezur (de tom alaranjado) e arroz biru biru com batata palha.

Os restaurantes têm também propostas de sobremesa, mas há espaços de doces no Gourmet Experience que merecem uma visita. Contam-nos que a Coroa da abadessa, da pastelaria Alcoa foi a sobremesa que foi servida o ano passado ao Papa Francisco, quando visitou o nosso país. Os doces de ovos são aqui quase ingrediente comum a muitas das propostas. Nós colocamos no topo das preferências o Bolo de Chocolate da Landeau e, muito próximo, os Morangos com Chocolate da Godiva. Outra opção muito viável são os sabores da geladaria artesanal italiana Nannarella.

Nesta zona, encontra também pontos de venda de marcas como a Dammann Fréres, um espaço dedicado ao consumo de chá, com uma generosa seleção de variedades e misturas, assim como de acessórios, La Gondola, um espaço dedicado às conservas, que se destaca pelas embalagens de design ou a Cigar World, com uma seleção de charutos.

O espaço exterior, com cerca de 1000 metros quadrados à volta do piso é outra das novidades. Vai ser, certamente, um dos espaços mais apetecíveis dos próximos meses.

O Gourmet Experience abre de segunda a quinta-feira as 10h00 e as 24h00 e às sextas e sábados até à 01h00.

Deixar uma resposta

This site uses Akismet to reduce spam. Learn how your comment data is processed.