Fundação EDP Promove Arte Pública

Arte Pública Fundação EDP é o novo programa da Função EDP, orientado para territórios de baixa densidade populacional, e que pretende envolver e estimular as populações para novas experiências culturais.

O programa é implementado através de parcerias com instituições e coletividades locais, sociais ou culturais das respetivas regiões: Trás-os-Montes (Alfândega da Fé, Torre de Moncorvo, Miranda do Douro e Mogadouro); Ribatejo (Marmeleira, Assentiz e Salinas); Alentejo (Ouguela, Campo Maior e Degolados) e Algarve (Vila do Bispo, Barão de S. João, Mexilhoeira, Messines, Alte e Alportel).

arte_edp2O programa é implementado através de parcerias com instituições e coletividades locais, sociais ou culturais, e tem quatro fases distintas: a apresentação do projeto à população; a apresentação das propostas dos artistas; a intervenção do artista em espaço público e as visitas guiadas às obras.

Trata-se, fundamentalmente, de um projeto que interrelaciona artistas e comunidades rurais e cujo resultado final resultará num roteiro inesperado de arte pública e num motivo de orgulho para todas as partes.

Artistas de renome nacional e internacional como Vhils, XANA, Manuel João Vieira, MAR e Mariana A Miserável vão participar na Arte Pública da Fundação EDP.

Nas localidades de Trás-os-Montes estão previstas intervenções de artistas como Gabriela Vaz Pinheiro, Nuno Pimenta, Sofia Borges, R2 Design, FAHR 021.3, alunos do Mestrado em Arte e Design para o Espaço Público, Cristina Mateus, Fernando José Pereira, MAR e Pedro Almeida, Miguel Schreck e Ricardo Santos, para além da Associação Lérias, através do projeto Voltagem em parceria com a Rede Inducar.

arte_edpNo Ribatejo, as intervenções estarão a cargo do artista João Seguro e das Produções Fixe.

Já no Alentejo vão poder ser vistas obras de Silveirinha, NADA, ORPHÃO e André Clérigo, mais o projeto Mayor.art, com a Associação Coração Delta em Campo Maior.

Finalmente, na região algarvia XANA, Mariana A Miserável, Jorge Pereira, Menau, Padure, Susana Gaudêncio e Tiago Batista são os artistas escolhidos a par do projeto WATT? com o LAC (Laboratório de Atividades Criativas).

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.