Festival Periferias Arranca A 1 De Março Em Sintra

A 7ª Edição do Periferias – Festival Internacional de Artes Performativas de Sintra arranca já no próximo dia 1 e vai decorrer até 11 de março, dedicado à lusofonia e aos novos talentos nacionais e internacionais de regiões dentro e fora de Portugal.

O programa inclui espetáculos de teatro, uma exposição e um conjunto de eventos de rua, bem como espetáculos de música, uma feira do livro de artes performativas, espetáculos de dança, marionetas, exposições, oficinas, contos, e muito mais.

Na edição deste ano vão marcar presença companhias portuguesas vindas de regiões como Águeda, Covilhã, Vila Franca de Xira, Gondomar, e companhias internacionais de Guiné-Bissau e do Brasil, e ainda destaque para artistas afrodescendentes de Cabo Verde, Guiné, Guiné Equatorial e Angola, e pela primeira vez marcam presença duas companhias de teatro espanholas.

As apresentações vão ter lugar nas ruas de Sintra, nos Hipópomatos na Lua, Casa de Teatro de Sintra, do MU.SA – Museu de Artes de Sintra, Centro Cultural Olga Cadaval, Palácio de Queluz (que será palco de uma homenagem à ópera da autoria do grupo Inestética, vindo de Vila Franca de Xira), mas também em cafés, palácios e casas de teatro.

Durante 11 dias a organização do Festival preparou também uma vasta oferta educativa dirigida às escolas do Concelho, com entrada gratuita, como sessões de Contos Tradicionais, ateliers e visitas à exposição Manifestações Populares Teatrias – Mourisqueiros e Bugios.

A programação deste ano inclui ainda uma oficina de inclusão para crianças e jovens com necessidades especiais, levado a cabo por formadores regulares no serviço educativo da Fundação Calouste Gulbenkian.

O Periferias – Festival Internacional de Artes Performativas em Sintra resulta de uma parceria entre o Chão de Oliva e a Câmara Municipal de Sintra. Os bilhetes estão à venda nos locais e variam entre os 7,50 euros e os 12,50 euros, consoante o espaço do espetáculo, havendo também espetáculos com entrada gratuita.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.