Festival Internacional Douro Jazz Em Vila Real

Realiza-se entre os dias 3 e 19 de outubro, a 16ª edição do Festival Internacional Douro Jazz, numa organização do Teatro Municipal de Vila Real, com uma arruada, três orquestras e três concertos em nome próprio.

A abrir o Festival, no dia 3 de outubro, no Centro Histórico da cidade, uma arruada de dixieland, pelos Animadixie, evocando-se uma faceta ancestral e festiva do jazz.

Na sexta-feira, 4 de outubro, apresenta-se o Ricardo Toscano Quarteto, no Teatro Municipal de Vila Real, quarteto que acabou de editar o seu primeiro disco homónimo.

No dia 5 de outubro, pelas 21h30, a Orquestra Jazz de Matosinhos apresenta-se com “Viagem pelos tempos jazz”, num concerto-comentado por Manuel Jorge Veloso, com direção musical de Pedro Guedes.

No café-concerto, no dia 9 de outubro, às 22h30, o Trio Carlos Azevedo, projeto musical recria o repertório “standard” de jazz dos anos 50/60 numa perspectiva contemporânea e apresenta temas originais,  quer do grupo quer de autores contemporâneos portugueses ligados à música improvisada.      

No dia 11 de outubro, às 21h30, o Grande Auditório do Teatro Municipal acolhe a Orquestra de Jazz do Douro, formação de 21 músicos, dirigidos pelo maestro Valter Osório Palma, e a apresentação do primeiro disco All of Me.

No dia seguinte, Elisa Rodrigues apresenta, no Auditório do Teatro, o seu trabalho As Blues as Red.

A Brussels Jazz Orchestra e Lynn Cassiers sobem ao palco do Auditório, no dia 19 de outubro, às 21h30, com In the Pines, uma performance que combina projeção de vídeo, ilustração, histórias sombrias, música vocal e instrumental.

Os bilhetes para os espetáculos têm um custo entre os 3,50 euros e os 7 euros.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.