Festas De Lisboa Arrancam A 1 De Junho Com Muita Animação E Ritmos Quentes

E entramos em contagem decrescente para o início das Festas de Lisboa 2017, vai ser um mês em grande, repleto de atividades e música por todos os cantos e recantos da cidade “Menina e Moça, à beira do Tejo plantada”. Eles são concertos com artistas latinos, são marchas, exposições, concursos, tronos de Santo António,arraiais, tronos manjericos e sardinhas, e muito mais, diversão e animação prometem não faltar.

As festas arrancam no dia 1 de junho, com um programa muito diversificado e que visa mais uma vez celebrar as tradições de Lisboa. Entre a programação inicial destaque para um concerto pela Orquestra Gulbenkian acompanhada pelo guitarrista Pablo Sáinz Villegas, para uma interpretação do Concerto de Aranjuez, no Terreiro do Paço, no dia 3 de junho, com entrada gratuita.

Para além desta presença latina, outros artistas da América Latina e de Espanha vão passar pelas festas no âmbito da Capital Ibero-americana da Cultura, cuja temática também marca a programação das Festas deste ano.

O Castelo de São Jorge volta a receber o Fado, e com ele traz o Flamenco (Fado es Volver, dia 8), o Chorinho (Um Choro de Fado, dia 9) e o Tango (El Gordo Triste, dia 10).

Destaque também para o Festival Soy Loco por Ti, America que vai animar os Jardins do Palácio Pimenta do Museu de Lisboa, no Campo Grande, entre 15 e 18 de junho, com música, leitura e gastronomia do Perú, Cuba, Argentina e Brasil, e com concertos de nomes maiores como Susana Baca e Chico César.

Um dos pontos altos das Festas volta a ser, como já é habitual, o desfile das Marchas Populares na Avenida, e que este ano para além das marchas convidadas dos Mercados e da Voz do Operário, vai também contar com a Marcha dos utentes da Santa Casa da Misericórdia, que inclui marchantes com 93 anos. O desfile tem início marcado para as 21h00, e a defender o título de campeã vai estar a Marcha de Alfama.

Já para não falar dos Casamentos de Santo António, dos Arraiais Populares a decorrerem em todos os bairros, e os Tronos de Santo António. No dia 17 é a vez do desfile das Marchas Infantis, nos Jardins de Belém. A Festa Indiana, a Festa do Japão, entre muitas outras.

Entre as homenagens a Santo António destaque para a exposição Culto a Santo António – Imagens Africanas no Museu de Santo António; o concurso de Tronos de Santo António e o Colóquio Internacional “A devoção a Santo António em Portugal e no Brasil”, de 31 de maio a 2 de junho, no auditório da UCCLA, em Belém.

O vasto cartaz musical inclui a presença de inúmeros artistas conhecidos, em que se destacam por exemplo Quim Barreiros a 22 de junho, os D.A.MA. a 23 e Sérgio Godinho a 25 de junho; a realização do Compaço – X Festival de Bandas de Lisboa, o Lisboa Mistura, o Festival Internacional de Tango, ou o Festival de Coros, entre muitas outras iniciativas.

Os mais pequenos e as famílias não foram esquecidos, havendo uma programação especial para eles, com início no dia 1, e que inclui por exemplo um concerto pela Orquestra Geração com Joana Amendoeira, na Praça do Município, pelas 19h00, e no dia 17, pelas 10h30, no Museu da Marioneta, o teatro de sombras A Lenda do Imperador WU TI, seguido de um ateliê de construção de marionetas; entre muitas outras iniciativas, ateliers e atividades.

Uma das novidades deste ano é o desafio “Todos a instagramar as montras destes 63 estabelecimentos classificados pela Câmara Municipal Lisboa, que oferecem experiências únicas aos seus fregueses”.

As sardinhas como é óbvio não poderiam faltar e pelas ruas, e não só, vão andar as cinco vencedoras do concurso de criatividade deste ano, que inclui artistas internacionais, nomeadamente um de Espanha e um da Holanda, escolhidos entre mais 5168 propostas recebidas, oriundas de 60 países. E as vencedoras são: Lata Ensardinhada, A Fanfarra, Comadres, Mergulhador Apaixonado e Mulheres Lisboetas.

O encerramento das Festas também promete ser em grande, com um espetáculo gratuito no Terreiro do Paço, na noite de 1 de julho – Baila Comigo Lisboa, e onde se vai ouvir e dançar ao som e ritmo dos cubanos Los Van Van e dos franceses Gipsy Kings.

Uma programação para todos os gostos e idades, que pode ser consultada aqui.

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.