Dia Mundial do Teatro Assinalado Hoje Por Todo o País

pirandelloO Dia Mundial do Teatro é assinalado esta sexta-feira, 27 de março, com várias atividades teatrais por todo o país e por vários dias. Do Norte ao Sul de Portugal é possível assistir a peças gratuitamente ou com um preço mais acessível.

Na Capital Portuguesa, Lisboa, há várias opções. O TNDM II reserva um dia cheio de atividades de entrada gratuita, nomeadamente: às 18h00 com o espetáculo Homenagem a João Villaret dirigido por Carlos Paulo e com a duração de 30 minutos; a seguir é lançado o livro João Villaret 1913-1961 – Duas Mãos Que Abertas Deram Tudo da autoria de Henrique Villaret; e finalmente às 21h00 é apresentado a peça Pirandello, com encenação de Jorge Andrade.

No Teatro da Trindade o dia não passa despercebido e é possível acompanhar também várias atividades a custo zero ao longo desta sexta-feira e sábado, às 15h00 e às 19h00. A proposta ao público do Teatro da Trindade é que entrem como espectadores e saiam como artistas, ou seja, os dias vão contar com visitas guiadas ao teatro, com a revelação dos segredos da arte, André Gago vai recitar o Poemacto de Herberto Hélder e ainda uma peça com a atriz Cecília Sousa, inspirada no mito hindú Nqtya Shastra.

image004 (9)A Junta de Freguesia de Carnide celebra a efeméride não só esta sexta-feira mas também durante o fim-de-semana. Carnide decidiu nas comemorações deste ano homenagear a atriz Fernanda Lapa que conta já com 50 anos de carreira. Ao longo dos três dias há a opção da visita a uma exposição, assistir a peças de teatro para todas as idades, e ainda há a opção de assistir à homenagem a Fernanda Lapa. Uma das peças que Carnide propõe, A Almofada da Paula, vai estar em palco na Casa do Coreto e é organizada pela Lua Cheia. A encenação é inspirada na vida e obra da pintora Paula Rego. As entradas custam cinco euros.

Ainda em Lisboa, no Teatro do Bairro o dia não vai passar em branco. Esta sexta-feira pode assistir gratuitamente ao documentário de João Botelho sobre a peça Moby Dick, encenada em 2007 por António Pires, segue-se uma peça improvisada pelo ator Cláudio da Silva acerca do Poeta Armando.

Mas há ainda outras opções, para celebrar a data o Museu do Oriente em Lisboa realiza uma oficina para famílias, onde pretende dar a conhecer através de marionetas as origens do teatro japonês, o Bunraku (uma das quatro tipologias de teatro tradicional do Japão, cuja denominação deriva do nome do teatro em Osaka que manteve esta arte até ao presente). A acção tem lugar amanhã (sábado), das 10h00 às 12h00, para crianças dos 6 aos 12 anos, acompanhadas por um adulto. As inscrições custam 3,50 euros.

possibilidadesNo Porto, o destaque vai para o Teatro Nacional de São João, que  assinala a data com várias iniciativas gratuitas, como assistir à última récita de O Fim das Possibilidades. Uma produção do TNSJ e é coencenada por Nuno Carinhas e Fernando Mora Ramos.

No palco do Teatro Carlos Alberto sobe a cena a peça O Que é Que o Pai Não te Contou da Guerra?, encenada por Rogério de Carvalho, a partir do texto de Fernando Giestas, em cena até 29 de março.

Para os mais pequenos a sugestão é o espetáculo infantil, Nove’s Fora, apresentado por MSBV, às 16h00, no Mosteiro São Bento da Vitória.

Na Nazaré, o dia 27 de março é assinalado com um espetáculo apresentado pelo Teatro Casa da Máquina no Museu Dr. Joaquim Manso. A peça O Senhor Não Sabe Quem Sou, é sobre o heterónimo feminino de Fernando Pessoa e tem encenação/interpretação de Ana Dionísio. Está marcada para as 21h30 e a entrada é gratuita.

Em Coimbra, o Dia Mundial do Teatro é comemorado intensivamente e já no início da semana começaram as atividades para assinalar a data. O Teatro Académico de Gil Vicente homenageia a dramaturgia contemporânea e os 54 anos de existência, como tal tem estado a decorrer o Festival End – Encontros de Novas Dramaturgias, que já vai na sua segunda edição e reúne um conjunto de iniciativas teatrais. tais como, o seminário “Escrever Para Que Pele?”; ou o debate “A Dramaturgia Fora de Si” moderado por Ana Pais e criado por Rogério Nuno Costa, Vera Mantero e Paula Caspão; a peça Quizoola da companhia Forced Entertainment e interpretado pelos encenadores Jorge Andrade, Pedro Penim e Vera Mantero. As propostas são realizadas entre o TAGV e as Galerias do Colégio das Artes, muitas das propostas são de acesso gratuito outras o seu preço varia entre os quatro e os 20 euros, dependendo se é estudante ou não.

cartazDiaMundialdoTeatroeDiaNacionaldaJuventudeMais para Sul, em Sines, o Teatro do Mar assinala o Dia Mundial do Teatro com a apresentação da peça Wahida: Coração Costurado. O espetáculo de caráter poético e multidisciplinar é inspirado no romance Le Coeur Cousu de Carole Martinez, e conta com encenação e dramaturgia de Julieta Aurora Santos e produção da Contra-Regra. Nesta sexta-feira, às 22h00, a peça sobe ao palco no Centro de Artes de Sines e assinala também a Quinzena da Juventude. A entrada é gratuita.

E por fim, se está pelos lados do Algarve também vai poder usufruir das iniciativas que comemoram o Dia Mundial do Teatro. No Auditório Municipal de Olhão vai estar em palco neste dia 27 de março o espetáculo Mê Menine, e a tu Mãe?, produzida pelo grupo A Gorda e interpretada por João Evaristo e Joaquim Parra. A subida do pano está marcada para as 21h30.

A escolha agora é sua … vá ao Teatro.

Por Ana Rita Santos

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.