Operadores Turísticos Nacionais Promoveram Cuba Em Roadshow

O Destino Cuba esteve em destaque esta semana num roadshow promovido pelos operadores turísticos Sonhando, Solférias e iTravel, que passou pelas cidades de Coimbra, Porto, e Lisboa.

Este ano na sua 6ª edição, os operadores destacaram um aumento de procura para Cayo Coco, estando previstas 10 partidas em charter para Cayo Coco, a bordo de uma aeronave da euroAtlantic, às segundas-feiras, entre 8 de julho e 9 de setembro; e para Varadero, num charter da Orbest, aos sábados, entre 1 de junho e 5 de outubro, partilhados pelos operadores Sonhando, Solférias, iTravel, Jolidey e Travelplan.

O roadshow deste ano contou com o apoio do Turismo de Cuba e das cadeias hoteleiras Meliã Hotels International Cuba, Iberostar Hotels & Resorts, Memories Resorts & Spa, MGM bem e do Grupo de Turismo Gaviota.

Destaque entre a programação para este verão a introdução de alguns hotéis novos e de um pacote para Havana, focado na Cultura.

Os programas para Varadero, à partida de Lisboa, incluem partida em voo charter aos sábados e custam desde 1287 euros; Para Cayo Coco ou Cayo Guillermo, o voo é à segunda-feira e os preços vão desde os 1290 euros.  Um programa combinado Havana + Cayo Santa Maria inclui viagem aérea em voo regular com a Iberia e a Air Europa, com partidas todos os dias, via Madrid, entre 9 de outubro de 2018 e 11 de outubro de 2019, e os preços vão desde 1171 euros.

Os programas para Varadero incluem partidas diárias, de Lisboa ou Porto, em voo Iberia até Madrid e depois com a Air Europa para Havana, entre 31 de agosto de 2018 e 19 de outubro de 2019, desde 925 euros.

E ainda o combinado Havana + Varadero, desde 937 euros, com partidas diárias do Porto para Havana, via Madrid, com a Ibéria e a Air Europa, entre 9 de setembro de 2018 e 19 de outubro de 2019.

Estes programas já estão à venda nas agências de viagens, e no Mundo Abreu este fim de semana, havendo já algumas partidas esgotadas.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.