Crónica: Cultura Para Todos

Nº 49: Para Que Serve A Cinefilia?

Nunca escondi por aqui o meu grande interesse e paixão pelo cinema. Iniciei recentemente o blog Museu dos Cinemas (museudoscinemas.wordpress.com caso queiram fazer uma visita) onde reúno as minhas memórias de salas de cinemas sobreviventes ou desaparecidas mas não só: procuro a representação destes locais mágicos na arte, na memorabilia (postais, programas, cartazes), fotografia e no próprio cinema.

 Não sou especialista em História do cinema nem conhecedor dos autores mais arrojados, mas sou um cinéfilo no sentido de amar o cinema e os espaços que melhor o representam (as salas de cinema).

Por isso decidi trazer-vos o excelente blog Cinéfilo Preguiçoso, da autoria de Alda Rodrigues e Alexandre Andrade. Iniciado em 2014 com a publicação regular de quase um post semanal (uma verdadeira proeza), este blog traz-nos os títulos de uma cinema menos presente nas salas com um estilo de escrita despretensioso e, por isso, eficaz. Faz a análise de cada título descrevendo os aspetos mais relevantes do filme, sempre com sentido crítico.

Com esta crónica despeço-me dos leitores com um agradecimento a todos os que aplicaram o vosso tempo precioso a ler estas linhas. Foram 49 crónicas e mais de dois anos de colaboração com a Canela e Hortelã que muito gosto me deram. Aproveito para enviar à sua responsável, Elsa Furtado, um obrigado especial pela confiança que sempre teve no meu trabalho.

Até sempre!

Por Óscar Enrech Casaleiro – Comunicador cultural desde 1997, atento à atualidade desde sempre.

N.R.: Esta crónica tem periodicidade quinzenal e é da inteira responsabilidade do seu autor

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.