Cortiça nacional em destaque na Bienal de Design de Istambul

Objetos design CortiçaAbriu as portas, no início de novembro, a Bienal de Design de Istambul. Organizada pela Fundação para a Arte e Cultura de Istambul (iKSV), esta segunda edição da Bienal decorre durante seis semanas e assume-se como uma plataforma privilegiada para repensar o papel do design na sociedade atual.

“The Future is not what it used to be” é o mote desta Bienal de Design que, sob a curadoria da britânica Zöe Ryan, tem patentes no espaço principal do evento – a Greek Primary School – 53 trabalhos de criativos de mais de 20 países, de todos os continentes, dispostos nos cinco andares do edifício, uma área de aproximadamente 2.300 m2. Imaginar novas possibilidades de transformar o presente, projetar a reflexão sobre o papel do design, a sua relação com a sociedade e a capacidade de ser um agente de mudança, lançando ideias e sugestões de novos caminhos para o futuro são algumas das abordagens desta iniciativa

A presença da cortiça nacional no evento foi viabilizada pela parceria com a Corticeira Amorim, com projeto do estúdio de arquitetura Superpool. Há uma área de exposição que é amplamente dinamizada pela presença da cortiça, um material que se desdobra nos diferentes espaços em inúmeros objetos, assumindo particular destaque nos candeeiros e no mobiliário da Bienal.

A Superpool é um Estúdio internacional de arquitetura, sediado em Istambul, na Turquia e fundado em 2006 por dois sócios, Selva Gürdo?an e Gregers Tang Thomsen. A criação de um conjunto de soluções de design recorrendo á cortiça, revelou-se muito interessante como referiu Gregers Tang Thomsen “De outra forma não seriam exequíveis. Como material que imediatamente transmite a sensação de calor e de personalidade e, em simultâneo, tecnologicamente avançado, a cortiça enquadra-se perfeitamente no tema da Bienal”.

Deniz Ova, Diretora da Bienal, destaca em comunicado de imprensa a relevância da seleção do material: “Esta é a primeira vez que a cortiça é apresentada na Turquia como material de design e estamos muito satisfeitos com os resultados. A atmosfera quente e acolhedora criada pela cortiça é vivenciada por todos os visitantes, transmitindo-lhes imediatamente uma sensação de conforto.”

Adicionalmente à exposição, a escola primária grega Galata será ainda, até 14 de dezembro, palco de diferentes eventos para os amantes de design, incluindo painéis, debates/palestras, workshops, projeção de cinema e vários outros eventos. Assim, ao longo de seis semanas será apresentado o Kontraakt team’s broadcast programming, que inclui uma emissão de rádio semanal, que será realizada às terças-feiras, Q&A e painéis às quartas-feiras, exibições de filmes às quintas-feiras, programas para crianças e jovens todos os dias.

Texto de Tânia Fernandes
Foto de António Silva

 

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.