Companhia De Actores E TE-ATO Apresentam O Fio Da Linha Do Horizonte

A Companhia de Actores e o TE-ATO, Grupo de Teatro de Leiria, apresentam a peça O Fim da Linha do Horizonte, no dia 23 de Junho, domingo, pelas 11h00, no Teatro Municipal Amélia Rey Colaço, em Algés.

Com texto, encenação e representação de João Lázaro, e desenho de Marco Brando, a ação da peça desenvolve-se a partir de uma caixa de pintura, de onde emergem todas as personagens. Uma caixa em forma de prédio onde todas elas convivem entre si e onde o narrador conta-nos as histórias de cada vizinho e os seus conflitos, de uma forma íntima num cenário despido de requisitos ou superficialidades técnicas.
Debruçar um primeiro olhar sob as coisas que compõem o mundo é a premissa deste espetáculo para crianças a partir dos 4 anos. Um olhar que se quer múltiplo e se divide em três facetas: no arranjo cénico, na dimensão da palavra e no público.
Aqui, funde-se o conto com o teatro num olhar de procura sob os Homem e as teias de relação que mantêm entre si, desenhando-se como um teatro orgânico, aberto, onde o espectador questiona o seu papel na sociedade, como atua, como pensa, como sente. Um teatro que se quer para todos: universal e popular, que apela às origens e à importância da leitura e onde se pretende incentivar e estimular a palavra.

A peça, com duração de uma hora, é para maiores de 6 anos.

Os bilhetes estão à venda nos locais habituais e no local, tendo um custo de 8 euros para adultos, 6 euros para crianças até aos 18 anos, com pack familiar (3 pessoas / máximo 2 adultos): 18 euros.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.