Comédia Húngara Venceu 35º Fantasporto 2015

filme_vencedor_fantasA comédia húngara Liza The Fox Fairy de Károly Ujj Mészáros, foi a grande vencedora da 35ª edição do Festival Internacional de Cinema do Porto – Fantasporto 2015, que decorreu entre 27 de fevereiro e 7 de março. O filme, a primeira longa-metragem do realizador, venceu ainda o prémio de melhores efeitos especiais.

Já o prémio especial do Júri foi entregue a Wolfcop, de Lowell Dean, e o de Melhor Realizador ao francês Romain Basset por Horsehead. O sul-coreano “Haemoo”, de Sung-bo Shim, venceu o prémio de Melhor Filme na secção Orient Express e o Prémio Cinema Português foi atribuído a Renaissance, de Nuno Noivo e João Fanfas.

 

Vencedores Fantasporto 2015:

Júri Internacional Cinema Fantástico

Grande Prémio Melhor Filme: Liza, The Fox Fairy de Karoly Meszaros, Hungria

Prémio Especial do Júri: Wolfcop de Lowell Dean, Canadá

Melhor Realização: Romain Basset por Horsehead, França

Melhor Ator: Rupert Evans por The Canal, Reino Unido

Melhor Atriz: Georgia Bradley por Hungerford, Reino Unido

Melhor Argumento: Jong-Ho Lee por Mourning Grave, Coreia do Sul

Melhores Efeitos Especiais: Liza, The Fox Fairy, Hungria

Melhor Curta-Metragem: Habana de Edouard Salier, França / Cuba

 

25ª Semana dos Realizadores

Prémio Melhor Filme: Memories On Stone de Shawkat Amin Korki, Alemanha / Iraque

Prémio Especial do Júri: El Rayo (Hassan’s Way) de Ernesto de Nova e Fran Araújo, Espanha

Melhor Realizador: Shim Sung Bo por Hae Moo, Coreia do Sul

Melhor Argumento: Shawkat Amin Korki e Mehmet Aktas por Memories On Stone, Alemanha / Iraque

Melhor Ator: Richard Gomez por The Janitor, Filipinas

Melhor Atriz: Maxine Peake por Keeping Rosy, Reino Unido

 

Secção Oficial Competitiva Orient Express

Melhor Filme: Hae Moo de Shim Sung Bo, Coreia do Sul

Prémio Especial: Children’s Show de Roderick Cabrido, Filipinas

 

Prémio Cinema Português

Melhor Filme Português: Renaissance de Nuno Noivo e João Fanfas, Portugal

Melhor Escola de Cinema Portuguesa: Universidade Lusófona de Lisboa

Menção Especial do Júri (criatividade): Bestas de Rui Neto e Joana Nicolau, Portugal

 

Prémios Não Oficiais

Prémio da Crítica – Pseudonym de Thierry Sebban, França

Menção Honrosa: Memories On Stone de Shawkat Amin Korki, Alemanha / Iraque

Prémio do Público – Landmine Goes Click de Levan Bakhia, Georgia

 

Prémios de Carreira 2015

Fernando Vendrell, produtor e realizador

Catriona MacColl, atriz, Reino Unido

 

Prémios Especiais Fantasporto

Manuela Mendes da Silva, pintora

Vencedores concursos cartaz e spot TV

Ricardo Figueira, jornalista

 

Texto de Sandra Mesquita

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.