Cluedo Teatral Sobre Verne Em Cena No Palácio Dos Aciprestes

Reportagem de Tânia Fernandes e António Silva

A Maldição de Verne

Dois homicídios e o roubo de um documento histórico de grande valor. São estes os crimes que os participantes no novo cluedo teatral A Maldição de Verne vão ter de desvendar. Um verdadeiro quebra cabeças, com atores reais, com os quais vai ter de interagir para desvendar o mistério.

Inspirado no mundo fantástico de Júlio Verne e na sua Viagem ao Centro da Terra, este enredo parte de um manuscrito encontrado, e na possibilidade de se realizar uma expedição semelhante, para provar a veracidade da ficção de Verne. Acontece que Dr. António Villar (fundador do projeto Verne 05) é encontrado morto no seu escritório, juntamente com a sua assistente, Joana Sousa. Do manuscrito, nem sinal…

Os espetadores são convidados a assumir o papel de investigadores e, divididos em grupos de trabalho diferentes, vão procurar identificar o criminoso, a partir do leque de suspeitos identificados. São-lhes fornecidas provas e é-lhes permitido interrogar cada um dos suspeitos durante um período de 10 minutos. Depois, é juntar as peças, e deslindar o crime.

A Maldição de Verne é um Cluedo Teatral com a assinatura Don’Adelaide Produções. Tem lugar no Palácio dos Aciprestes, em Linda-a-Velha, com sessões nos dias, 26 e 27 de outubro, 2, 3, 9, 10, 16, 17, 26 e 30 de novembro e 1 de dezembro.

A lotação é limitada a 40 inspetores por sessão e pode-se fazer reserva prévia para o e-mail donadelaideproducoes@gmail.com. Os bilhetes custam 10 euros e 8 euros para grupos de seis ou mais pessoas (desconto válido somente em reservas via email).

Leave a Reply

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.