Ciclo Mark O’Rowe, Carago! Apresenta Made In China

Está em cena no Mosteiro de São Bento da Vitória, nos dias 25 e 26 de novembro, pelas 21h00, a peça dialogada do dramaturgo irlandês Mark O’Rowe, Made in China, com encenação de Pedro Frias, que continua o ciclo dedicado a Mark O’Rowe.

Em Made In China estamos confinados a um apartamento, mas a cidade ruge ao fundo. Somos atirados de cabeça numa profusão de falas entre três personagens – interpretadas por João Cravo Cardoso, Manuel Nabais e Pedro Quiroga Cardoso – que discutem a lealdade passada e presente às insígnias do seu “esquadrão”. Os homens medem-se pela eloquência das suas street words e pela obediência ou recusa de um sistema de regras. No final, joga-se uma parada de morte, uma coreográfica luta como se de um filme de karaté se tratasse.

O espetáculo é para maiores de 16 anos e está em cena no Mosteiro de São Bento da Vitória (MSBV). O preço dos bilhetes é de 10 euros.

O Ciclo Mark O’Rowe, Carago! encerra com Sarna, monólogo com encenação de João Cardoso e interpretação de Pedro Frias, « coloca em cena dois pontos de vista de uma mesma história, trágica e comovente, contada numa linguagem de autor, também ela contaminada, fora de qualquer convenção». A peça estará em cena no MSBV entre 2 a 4 de dezembro.

Até 30 de novembro, o Teatro Carlos Alberto (TeCA) recebe Os Nossos Dias Pouco e Desalmados, com encenação de João Cardoso. «A peça apresenta-nos um “drama familiar” de personagens ambíguas, numa história em que a verdade se torna cada mais insondável e conduz o espectador a uma visão dolorosa da humanidade.»

O espetáculo, para maiores de 14 anos, apresenta-se nos dias 27 e 30 de novembro, às 19h00 e nos dias 28 e 29 de novembro, às 21h00. O preço de bilhete é de 10 euros.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.