Cantina da Estrela tem nova carta de Outono inspirada em produtos nacionais

Reportagem de Tânia Fernandes e António Silva

cantina_08Perto da casa onde Fernando Pessoa morou durante os seus últimos quinze anos, há um restaurante que lhe faz vénia. Um espaço em que quase receamos que nos venham perguntar a tabuada, mas na realidade nos estendem uma ementa. Há ardósias a decorar as paredes, mas em vez das linhas de ferro nacionais listam as essências de Baco que podemos beber. A Cantina da Estrela, restaurante que ocupa o piso térreo do Hotel da Estrela, do grupo Thema Hotels, em Campo de Ourique tem nova carta. A matéria que aqui se estuda este inverno passa por figos, leitão, risotto e crumble. Esmiuçámos os novos pratos. Afinal de contas, podem sair no próximo teste!

A simpatia e o tom descontraído deste espaço convidam a ficar. A decoração relembra a velha escola primária, mas o rigor é aqui substituído pelo humor. O couvert dá lugar a “O que houver” e no final, se não estiver verdadeiramente satisfeito com o que pediu pode escolher o valor mínimo sugerido a pagar.

Sob o olhar atento do poeta do bairro, deliciámo-nos com a Vichyssoise com figos secos e batata doce, no nosso caso quente. Mas também pode pedir esta entrada fria, se assim desejar.

Outra novidade desta ementa de outuno é o Risotto de clorofila com anchovas e parmesão, bem verdinho e apaladado, a ocupar bem os contornos do prato.

A roda dos alimentos, indica a proteína como catalisador do crescimento e o prato que não falha neste objetivo é o Hamburguer de leitão com chips de batata doce.

Aconselha-se vivamente a não saltar a sobremesa, mesmo que seja necessário ir contra a advertência da carta que diz que “é só para os meninos que comeram a papa toooda”. E é melhor deixar espaço suficiente, pois são servidas em dose generosa. Uma das novidades é o Crumble de frutos vermelhos e maçã com gelado de yoghurt e caramelo que combina o quente com o frio, numa acidez bem equilibrada com o doce. A outra é uma espécie de tiramisu de sabor macio a torta de azeitão e moscatel que tem o nome de Atira-me para cima.

Antes de sair, não esquecer de passar pelo cacifo e levantar o casaco!

A Cantina da Estrela serve almoços entre as 12h30 e as 15h00 e jantares entre as 19h30 e as 22h30. Encerra aos domingos e segundas feiras.

Deixar uma resposta

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.